Ronaldinho Gaúcho será obrigado a arrumar um espaço a mais em sua estante. Em cerimônia realizada nesta segunda, o brasileiro recebeu a Bola de Ouro, prêmio oferecido pela revista France Football ao melhor da Europa neste ano. Ele também havia sido eleito pela Fifa o melhor jogador do mundo em 2004.

Na 50ª edição do troféu, Ronaldinho recebeu 225 pontos, superando Frank Lampard (148) e Steven Gerrard (142). A votação foi realizada por um júri internacional, composto por jornalistas especializados. O craque do Barcelona recebeu o prêmio das mãos de Andryi Shevchenko, ganhador em 2004.

Apesar do anúncio oficial ter saído apenas hoje, a coroação de Ronaldinho já era dada como certa há algumas semanas. Dos 52 jurados consultados, apenas dois não citaram o nome do jogador. O craque sagrou-se campeão espanhol e da Supercopa da Espanha com o Barcelona e a Copa das Confederações com a Seleção. Isso sem contar as belas atuações em campo.

Ronaldinho é o terceiro brasileiro a receber o prêmio. Antes dele, Ronaldo (1997 e 2002) e Rivaldo (1999) tiveram a honra de ganhar o troféu. Além disso, ele se tornou o quinto jogador do Barcelona a conquistá-lo, após Luis Suárez (1960), Johan Cruyff (1973 e 1974), Hristo Stoitchkov (1994) e Rivaldo (1999).

Em dezembro, o jogador pode repetir a dose e receber da Fifa mais uma vez o prêmio de melhor jogador do mundo. O resultado da disputa será conhecido no dia 19.

Leia também:
Ingleses dominam o ‘time do ano’ da France Football
Apenas dois jurados não votaram em Ronaldinho
“É um sonho ganhar a Bola de Ouro”, diz Ronaldinho

Foto: Agência CBF