A torcida do Legia Varsóvia ficou limitada a um pequeno espaço da PGE Arena, em visita ao Lechia Gdansk. Entretanto, os forasteiros fizeram questão de ter a presença sentida. Famosos pelos bandeirões e pelos fogos, os ultras do Legia acenderam dezenas de sinalizadores nas arquibancadas. Fizeram da casa do adversário o seu caldeirão – quase que de verdade.

Os fogos foram acesos antes de a bola começar a rolar e a enorme quantidade de fumaça que tomou conta da atmosfera não atrapalhou o jogo. Pior para o Legia, derrotado por 2 a 0, mas que nem por isso perdeu a liderança do Campeonato Polonês, com três pontos de vantagem para o Górnik Zabrze. Quando os sinalizadores são usados para fazer a festa, não para a violência, quem ganha sempre é o espetáculo.