O Alavés não desiste mesmo. O clube procurou hoje, mais uma vez, o Comitê de Competição da Real Federação Espanhola de Futebol por julgar indevida a escalação de Lionel Messi contra o Osasuna, sábado, no Camp Nou.

O clube insiste em afirmar que Messi está em situação “ilegal” e não deveria ser escalado. No início de outubro, o clube tomou a mesma medida, referindo-se na ocasião à partida do Barcelona contra o Zaragoza, na qual o argentino foi escalado. O pedido foi indeferido.