Raymond Domenech surpreendeu ao anunciar hoje a lista dos convocados da França para os amistosos contra Costa Rica e Alemanha, nos dias 9 e 12 de dezembro, respectivamente. Entre os 23, aparece Nicolas Anelka, que não era chamado para a seleção desde abril de 2002. O próprio jogador mantinha poucas esperanças de voltar a vestir a camisa azul.

´´Não me iludo. Mesmo quando há 60 mil machucados, Domenech não me chama! Prefiro que ele seja honesta e me diga que não vai me convocar. Penso que não vestirei a camisa da seleção enquanto Domenech for o técnico´´, declarara o atacante em entrevista à revista France Football, no último mês de abril.

A presença de Anelka dá uma esperança para outros ´´renegados´´ como Pires, Micoud, Dacourt e Silvestre. ´´Todos devem atentos, qualquer que tenha sido o passado. Esta é uma mensagem para todos´´, afirmou o treinador logo após anunciar sua lista.

Veja a relação completa:

Goleiros: Fabien Barthez (Olympique), Grégory Coupet (Lyon), Mickaël Landreau (Nantes).

Defensores: Eric Abidal (Lyon), Jean-Alain Boumsong (Newcastle), William Gallas (Chelsea), Gaël Givet (Monaco), Franck Jurietti (Bordeaux), Anthony Réveillère (Lyon), Willy Sagnol (Bayern de Munique), Lilian Thuram (Juventus).

Meias: Vikash Dhorasoo (PSG), Alou Diarra (Lens), Claude Makélélé (Chelsea), Florent Malouda (Lyon), Jérôme Rothen (PSG), Patrick Vieira (Juventus).

Atacantes: Nicolas Anelka (Fenerbahçe), Djibril Cissé (Liverpool), Thierry Henry (Arsenal), Sidney Govou (Lyon), David Trezeguet (Juventus), Sylvain Wiltord (Lyon).