A definição dos últimos classificados à fase de grupos da Liga dos Campeões começou nesta terça-feira. E, de uma maneira geral, poucas são as certezas após os primeiros cinco jogos de ida. O Bayer Leverkusen foi o único a dar um passo importante, com a vitória fora de casa sobre o Kobenhavn. Steaua Bucareste e Red Bull Salzburg fizeram o dever de casa, ainda que a diferença de gols não dê nenhuma tranquilidade. Já nos dois jogos mais importantes, empates: o Athletic Bilbao arrancou um bom resultado do Napoli, enquanto o Arsenal se safou do pior contra o Besiktas ao ficar no 0 a 0.

O lance mais espetacular da rodada aconteceu logo aos três segundos de jogo em Istambul. Demba Ba arriscou do círculo central e quase marcou um gol antológico contra o Arsenal, com Wojciech Szczesny espalmando e a bola ainda batendo no travessão. Os turcos, no entanto, foram bem mais perigosos durante a partida. Ba teve mais duas ótimas chances de marcar, mas desperdiçou. E, mesmo depois da expulsão de Aaron Ramsey, os Gunners só ameaçaram mesmo os alvinegros nos minutos finais, quando Oxlade-Chamberlain também carimbou a trave. A falta de gols fora de casa não é tão boa para o retorno no Emirates, mas os londrinos continuam com um elenco superior, ainda que não tenham demonstrado.

Já na Itália, o Napoli também era o favorito contra o Athletic Bilbao. Porém, os celestes acabaram surpreendidos pela força coletiva dos visitantes, que dominaram boa parte do jogo. Iker Muniain abriu o placar no primeiro tempo e os napolitanos só conseguiram reagir na segunda etapa. Gonzalo Higuaín anotou um lindo gol para empatar, dominando com a ponta da chuteira e passando entre dois marcadores bascos. Só que quando o Napoli se empenhou mais na virada, parou em dois milagres de Gorka Iraizoz. O 1 a 1 no San Paolo pode não ser o fim do mundo, diante da tragédia maior que desenhava, mas obriga os italianos a se superarem na visita ao Novo San Mamés.

Por fim, nos outros confrontos, o Bayer Leverkusen fez jogo de duas viradas contra o Kobenhavn na Dinamarca. Kiessling abriu o placar, os anfitriões tomaram a dianteira e, no segundo tempo, os gols da vitória couberam a Bellarabi e Son. Na BayArena, a derrota por 1 a 0 ou 2 a 1 já classifica os alemães. Há tanto tempo perseguindo a vaga na fase de grupos, o Red Bull Salzburg poderia ter vida mais fácil contra o Malmö. Abriu 2 a 0 em casa, com direito a belo gol de Jonathan Soriano, mas deixou os suecos diminuírem no fim. Já no duelo entre tradição e novos ricos, o Steaua se impôs sobre o Ludogorets em Bucareste por 1 a 0, ficando com a vantagem do empate no reencontro na Bulgária.

A rodada de ida da última fase preliminar da Liga dos Campeões será complementada nesta quarta, com mais cinco partidas: Standard Liège x Zenit, Aalborg x Apoel, Slovan Bratislava x BATE Borisov, Lille x Porto e Celtic x Maribor.