Parece claro que o Bayern de Munique está em crise. Carlo Ancelotti foi demitido, depois da derrota por 3 a 0 para o Paris Saint-Germain, pela Champions League, e o primeiro jogo sob o comando do interino Willy Sagnol terminou em empate por 2 a 2 contra o Hertha Berlim, um tropeço difícil de digerir, uma vez que os bávaros chegaram a abrir dois gols de vantagem. Além disso, a forma física de Franck Ribéry volta a preocupar.

LEIA MAIS: Relação conturbada com estrelas e inconsistência levam Ancelotti à demissão no Bayern

O meia francês de 34 anos saiu de campo mancando, por volta dos 17 minutos do segundo tempo, com suspeita de lesão no joelho. O jogador, cujo contrato termina ano que vem, fazia apenas seu quarto jogo como titular na atual edição da Bundesliga, embora ainda não tivesse passado por problemas físicos desde o começo da temporada.

O Bayern de Munique abriu o placar com Hümmels, de cabeça, e ampliou com Lewandowski, no começo do segundo tempo. No entanto, levou o empate rapidamente, e com vacilos gritantes da defesa. Claro que Haraguchi teve o mérito de costurar toda a defesa bávara, mas percebam as ações defensivas frágeis de Boateng, que tentou o desarme com o calcanhar, e o bote seco de Hummels. E, no segundo gol, Tolisso fura uma cabeçada teoricamente fácil.

O atual pentacampeão alemão tropeça pela terceira vez em sete rodadas, proporção altíssima para o histórico recente do clube, e está a cinco pontos do líder Borussia Dortmund.

.