Sair jogando no tiro de meta já é arriscado. O Eintracht Frankfurt tentou fazer isso contra o Sandhausen, pela Copa da Alemanha, e rapidamente se arrependeu. A pressão dos adversários obrigou o meia Sebastian Rode a recuar a bola para o goleiro dar aquele chutão gostoso na bola. O problema é que Rode não olhou antes de tocar e ajudou o rival a diminuir o peso da derrota por 4 a 2. Pelo menos, não causou danos.