O atacante alemão Lennart Thy irá desfalcar o VVV-Venlo no jogo do fim de semana contra o PSV, além de perder uma semana de treinos, mas será por um motivo nobre. Quando ainda estava no Werder Bremen, Lennart doou seu DNA para ser capaz de ajudar algum paciente de leucemia no futuro. Na última semana, foi encontrada uma correspondência e o jogador à Alemanha para fazer a doação de sangue.

LEIA TAMBÉM: “Inacreditável, mas aconteceu”: Willem II, 15º colocado, faz 5 a 0 no líder PSV

Segundo informou o próprio VVV-Venlo, foi encontrada uma correspondência completa de DNA, algo que é extremamente raro. A doação de sangue permitirá aos médicos gerar células-tronco que tornam o transplante possível. Se bem-sucedido, a terapia de células-tronco pode curar a leucemia.

Diante deste motivo apresentado pelo jogador, o VVV-Venlo autorizou a sua ausência, mesmo que signifique perder o jogo contra o forte PSV. A chance de salvar uma vida pesou mais. Ainda segundo o clube, o jogador não irá responder a nenhum questionamento sobre o assunto até a próxima terça-feira, dia 20 de março, quando fará uma coletiva de imprensa para prestar esclarecimentos.