A torcida do Athletic de Bilbao ganhou uma semana de alívio na luta de seu clube contra o rebaixamento. Neste domingo, o time basco venceu o Cádiz por 1 a 0 e saiu provisoriamente da zona de perigo da Liga Espanhola. Seu posto foi ocupado por outro clube tradicional, o Betis, que não passou de um empate caseiro com o lanterna Málaga em duelo andaluz.

A vitória ‘rojiblanca’ só veio depois de bastante agonia. A equipe não conseguia se impor e foi, inclusive, ameaçada pelo Cádiz, outro candidato ao rebaixamento. O gol definitivo só veio nos descontos, com Tiko cobrando um pênalti cometido por Varela.

Outro duelo entre bascos e andaluzes também teve vantagem dos nortistas. O Alavés bateu o Sevilla por 2 a 1, gols de Nenê e Bodipo. O resultado é importante para o time de Victoria fugir da Segunda Divisão, mas foi conquistado à custa de cinco baixas para a próxima rodada: Bodipo, Juanito, Sarriegi, Carpintero e Coromina, todos suspensos.

Os resultados foram muito ruins para os clubes da Andaluzia. Além de deixar o Cádiz entre os que cairiam à Segunda Divisão, as vitórias bascas colocaram outras duas equipes da província na zona de perigo: Betis e Málaga.

Não por coincidência, essas duas equipes que protagonizaram um fraco clássico regional neste domingo. Rivas colocou os béticos em vantagem no primeiro tempo, mas Hidalgo igualou para os malagueños na metade final da partida.