Autoridades alemãs anunciaram nesta sexta a prisão de quatro pessoas nesta semana, acusadas de envolvimento em um escândalo de manipulação de resultados no país. Os suspeitos teriam participado de fraudes em partidas da segunda divisão e das ligas regionais.

De acordo com a federação alemã, as suspeitas não possuem a mesma magnitude da polêmica cujo principal protagonista foi o árbitro Robert Hoyzer. Mesmo sem admitir evidências quanto ao novo caso, a entidade garante investigar o caso para verificar se houve mesmo algum tipo de problema.

Além disso, a federação não confirmou as suspeitas de fraudes em jogos da segunda divisão.