A expectativa do fim de semana era de decisões nos campeonatos espanhol e inglês. O Atlético de Madrid teria a chance de levantar a taça e quebrar a hegemonia de Barcelona e Real Madrid se vencesse e os rivais tropeçassem. Na Inglaterra, o Manchester City seria campeão até com um empate. No fim, só o segundo comemorou. Mas o fim de semana teve mais.

Os campeões

Zorya 1×3 Shakhtar Donetsk

O Shakhtar conquistou o título ucraniano pela terceira vez consecutivo. O time chegou ao tricampeonato com uma vitória por 3 a 1 sobre o Zorya, graças a gols de Luiz Adriano, duas vezes, e Eduardo da Silva, brasileiro naturalizado croata. Foi o nono título ucraniano do Shakhtar.

Manchester City 2×0 West Ham

Nasri e Zabaleta, do Manchester City (AP Photo/Rui Vieira)

Nasri e Zabaleta, do Manchester City (AP Photo/Rui Vieira)

A confirmação do que todo mundo esperava: o Manchester City não tropeçou, venceu com facilidade o West Ham e comemorou o seu quarto título. Uma conquista que passa pela excelente atuação ofensiva do time. Os gols de Nasri e Kompany deram uma vitória tranquila para uma torcida que começa a se acostumar a vencer.

Ao final da partida, os torcedores invadiram o gramado para comemorar. Nada de violência, só festa mesmo. Os jogadores foram para o vestiário antes de vestir uma camisa de festa para comemorarem, em campo, o título. Ao Liverpool, que venceu o Newcastle por 2 a 1 de virada, restou comemorar o segundo lugar, depois de tanto tempo sem brigar pela taça.

A goleada

Sampdoria 2×5 Napoli

Terceiro colocado na Serie A, o Napoli ganhou de forma categórica da Sampdoria fora de casa. Zapata,Insigne, Callejón, Hamsik e Mustafi (esse contra) marcaram os gols do Napoli, enquanto Éder e Wszolek descontaram para a Samp. Com 75 pontos, o Napoli tem assegurado o terceiro lugar e irá disputar a última fase preliminar da Liga dos Campeões.

A surpresa

Atalanta 2×1 Milan

Depois de abrir o placar com Gianpaolo Bellini marcando um gol contra, o Milan tomou a virada. Denis empatou de pênalti e o empate parecia ser o resultado final. Parecia, mas não foi. Aos 51 minutos do segundo tempo, a Atalanta chegou ao gol da vitória com Brienza. O Milan, que na semana anterior tinha vencido a rival Inter, perdeu a última chance de brigar por vaga na Liga Europa. Está fora de qualquer competição europeia na próxima temporada.

O brasileiro

Lucas
Lille 1×3 Paris Saint-Germain

Lucas comemora com Matuidi (AP Photo/Michel Spingler)

Lucas comemora com Matuidi (AP Photo/Michel Spingler)

Lucas ficou for a da Copa, mas o ex-são-paulino não parece ter sido tão afetado.Fez uma ótima partida pelo PSG na vitória fora de casa, marcando um gol e sendo fundamental em outro, com um passe excelente para Matuidi. Lucas sabe que precisa manter boas atuações regularmente se quiser voltar para a seleção depois da Copa do Mundo. Talvez ter ficado fora da Copa seja a faísca que faltava para o jogador buscar essa melhoria técnica.

O golaço

Aaron Ramsey
Norwich 0×2 Arsenal

Ramsey fez uma temporada muito boa e, se não fossem as lesões – sempre elas! – poderia ter ajudado muito mais o time. Foi a sua temporada com mais gols, 14 em 32 jogos, além de 10 assistências. O jogador, de 23 anos, marcou o último desses gols no domingo, na vitória sobre o Norwich por 2 a 0. E foi um golaço, confira aí:

O tropeço

Atlético de Madrid 1×1 Málaga

Turan cai na área, simulando pênalti (AP Photo/Gabriel Pecot)

Turan cai na área, simulando pênalti (AP Photo/Gabriel Pecot)

Era o jogo para marcar a história. Se vencesse e os adversários tropeçassem e o Atlético vencesse, seria campeão. E tudo conspirou: o Real Madrid perdeu do Celta, o Barcelona empatou com o Elche… Mas aí o Atlético não conseguiu a vitória. Pior: quase perdeu. O time do Atlético teve que lidar com nervosismo, buscou o empate, mas agora terá que decidir tudo contra o Barcelona no Camp Nou.

O clássico

Roma 0×1 Juventus

Osvaldo comemora o gol pela Juventus contra a Roma (AP Photo/Alessandra Tarantino)

Osvaldo comemora o gol pela Juventus contra a Roma (AP Photo/Alessandra Tarantino)

Um gol aos 49 minutos do segundo tempo decidiu o jogo entre as duas melhores equipes do Campeonato Italiano. E a lei do ex, sempre implacável, atacou de novo. Pablo Osvaldo marcou o gol da vitória da Juventus. O atacante está emprestado à Velha Senhora pelo Southampton e seu destino para a próxima temporada ainda está indefinido. O título da Juve já estava garantido, mas vencer a Roma na capital italiana foi só mais forma da Juventus comemorar.

A decepção

Celta 2×0 Real Madrid

O Real Madrid já tinha poucas chances de título, mas conseguiu decepcionar ainda mais no jogo contra o Celta. Tomou 2 a 0, em uma atuação muito ruim do time e sem Cristiano Ronaldo. Sem contar a cena que teve Casemiro deixando o gramado para a entrada de Willian José, dois jogadores rejeitados nos seus clubes recentemente.

A despedida

Javier Zanetti
Internazionale 4×1 Lazio

Javier Zanetti, capitão da Inter (AP Photo/Antonio Calanni)

Javier Zanetti, capitão da Inter (AP Photo/Antonio Calanni)

Depois de 19 anos jogando pela Inter, Zanetti se despediu dos torcedores no estádio Giuseppe Meazza, diante da Lazio. Ele entrou no segundo tempo e, aos 40 anos, foi muito homenageado pela torcida. No jogo, Kovacic teve uma grande atuação, deu três passes para gols. E ainda teve Hernanes marcando um gol de fora da área. Não deixa de ser curioso que no dia da despedida do veterano, Kovacic, com metade da sua idade, brilhando.

O matador

Robert Lewandowski
Hertha Berlim 0×4 Borussia Dortmund

Com mais dois gols marcados, Lewandowski terminou a sua passagem pelo Dortmund com mais dois gols e a artilharia da Bundesliga. São 20 gols na temporada, dois a mais que Mandzukic, do Bayern de Munique, que, aliás, será o futuro clube de Lewa. Resta saber como ele se encaixará por lá e quem deve ficar no time para que ele seja escalado.