Na primeira partida após a decisão do Mundial de Clubes contra o Santos, o Barcelona mostrou mais uma vez que a vitória sobre o Real Madrid devolveu a confiança que faltava aos jogadores no início da temporada. Massacrou o L´Hospitalet pelos 16 avos de final da Copa do Rei. O placar final? 9 a 0. Simplesmente a maior goleada da Era Guardiola no clube. Somados ao gol da vitória por 1 a 0 do jogo de ida, esses gols foram mais do que suficientes para classificar o time para as oitavas de final do torneio.

Os blaugranas foram os donos do jogo desde o início. Abriram o placar logo aos 11 minutos, com Pedro cobrando pênalti. O segundo gol veio aos 19, quando Cesc Fàbregas achou Andrés Iniesta na área e o camisa 8 apenas empurrou para as redes. Thiago Alcântara, em jogada individual, ampliou aos 23.

O massacre continuou aos 35 minutos, quando Fàbregas fez mais uma bela jogada e encontrou Xavi, que fez o quarto. O jovem Cristián Tello fez o quinto aos 42.

No segundo tempo, a farra continuou. Aos quatro minutos, Tello fez bela jogada e serviu Isaac Cuenca, que fez o sexto. Aos 10, Thiago Alcântara marcou o sétimo de pênalti, e Tello, aos 19, fez o oitao e Cuenca, aos 36 fechou a conta.

No outro jogo válido pela Copa do Rei e disputado nesta quinta-feira, o Valencia goleou o Cadiz por 4 a 0 e também segue adiante na competição.