Com gols de Ronaldinho e Eto´o, o Barcelona derrotou o Benfica por 2 a 0 nesta quarta pelas quartas-de-final da Liga dos Campeões. O time catalão se classificou para a fase seguinte e fará um confronto grandioso contra o Milan. O Arsenal segurou um empate sem gols com a Juventus no Delle Alpi e também garantiu sua vaga. Os Gunners decidem com o Villarreal um lugar na final.

Ronaldinho perdeu um pênalti, mas logo depois se recuperou. No final, Eto’o definiu a vitória. Para o confronto contra os rossoneri, o time catalão não contará com Deco, que recebeu o terceiro cartão amarelo e está suspenso.

Com certa tranqüilidade, o Arsenal voltou de Turim com um empate por 0 a 0 com a Juventus. A Vecchia Signora precisava ganhar, mas encontrou pela frente uma equipe forte no setor defensivo. Os Gunners alcançaram uma importante marca na LC: foi a oitava partida consecutiva do time sem levar gols.

As partidas de ida das semifinais serão disputadas em 18 e 19 de abril. Os confrontos de volta estão marcados para a semana seguinte, em 25 e 26 de abril.

Barcelona 2×0 Benfica

No Nou Camp, o Barcelona não encontrou tantas facilidades como se poderia imaginar contra o Benfica. O Barça teve a chance de marcar logo no começo, quando Petit tocou a mão na bola dentro da área. Porém, Moretto defendeu a cobrança malfeita de Ronaldinho. O brasileiro se redimiu ao abrir o placar aos 19, após um toque de Eto’o da direita. O camaronês aproveitou uma furada de Beto para tomar a bola.

Na segunda etapa, Simão Sabrosa perdeu a melhor chance de gol do Benfica. Aos 15, ele recebeu dentro da área sozinho, mas tocou para fora. A equipe encarnada marcou bem na defesa e deu poucos espaços para Eto’o. O time português arriscou algumas subidas ao ataque, mas finalizou mal.

Eto’o desperdiçou uma boa chance ao bater de bicicleta por cima. Valdés fez uma boa defesa no finalzinho e, no finalzinho, Belletti tocou para o camaronês. O atacante dominou no peito e chutou forte para definir o placar. O Barcelona gastou o tempo tocando a bola e garantiu a classificação para a semifinal da LC.

Juventus 0x0 Arsenal

A Juventus precisava reverter a vantagem obtida pelo Arsenal em Highbury. Por isso, o time partiu para cima dos Gunners, mas não levou muito perigo. Porém, os bianconeri esbarraram em diversas faltas sofridas e no grande número de impedimentos de Trezeguet e Ibrahimovic.

Na segunda etapa, a Vecchia Signora continuou a pressão em cima do time inglês. Sem conseguir passar pela barreira defensiva montada pelo Arsenal, Fabio Capello resolveu arriscar. Aos 16, o treinador tirou Mutu e colocou em campo Zalayeta, para tentar aumentar o poder de fogo da equipe.

Arsène Wenger manteve a calma e tirou Reyes e pôs Pires para segurar o avanços da Juve. Mesmo assim, Ibrahimovic e Nedved tiveram chances, mas Lehmann, em grande atuação, defendeu. A situação piorou aos 32, quando Nedved recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. Com um a menos, os bianconeri desanimaram e acabaram eliminados.

Leia também:
Capello considera injustas as vaias da torcida juventina
Wenger: ´Expulsão de Nedved definiu o jogo´
´Gol de Ronaldinho fez a diferença´, diz Koeman
Koeman elogia o Benfica e reclama pênalti no jogo de ida

Todos os jogos das quartas-de-finais da LC

Terça, 4/abril
Milan 3×1 Lyon (0x0 na ida)
Villarreal 1×0 Internazionale (1×2)

Quarta, 5/abril
Juventus 0x0 Arsenal (0x2)
Barcelona 2×0 Benfica (0x0)

Os confrontos das semifinais

IDA
Terça, 18/abril
Milan x Barcelona

Quarta, 19/abril
Villarreal x Arsenal

VOLTA
Terça, 25/04

Arsenal x Villarreal

Quarta, 26/04
Barcelona x Milan