Ninguém consegue frear o Barcelona. Mais uma vez a equipe catalã deu show e goleou o Santander por 4 a 1 no Camp Nou, em jogo que encerrou a 13ª rodada do campeonato espanhol. De quebra, o time voltou a ocupar a liderança do torneio.

Os visitantes, apesar da situação ruim na tabela, tinham até então a segunda defesa menos vazada do campeonato. Mas esta condição não demorou muito para cair. Ronaldinho Gaúcho deu-se ao luxo de perder um pênalti com três minutos de jogo, defendido por Dudu. Outras oportunidades para balançar as redes logo foram criadas.

Eto’o foi o autor de um belo gol. O camaronês roubou a bola no meio-campo, livrou-se de cinco defensores na base da velocidade e chutou sem chances. Caía a partir deste instante a resistência dos visitantes.

Na segunda etapa, Messi deixou sua marca após toque de Deco. O argentino colocou a bola fora do alcance do goleiro aos sete. Cinco minutos depois, Ronaldinho Gaúcho se redimiu do erro na primeira etapa e, desta vez, acertou o pênalti. Sylvinho acabou levando sorte ao marcar o quarto, aos 22. A defesa tentou afastar e a bola bateu no brasileiro antes de ir parar nas redes.

O Racing descontou com Casquero, de pênalti, mas nem ameaçou o Barça, que passou a tocar a bola à espera do apito final. Com 28 pontos, a equipe catalã volta à ponta. Já o Santander caiu para a zona de rebaixamento, em antepenúltimo, com onze.

Ainda no domingo, o Real Madrid escapou de um vexame ainda maior ao buscar o empate com a Real Sociedad por 2 a 2. O Villarreal ganhou do La Coruña por 2 a 0 e subiu para terceiro.