Em mais um capítulo da rivalidade com o Real Madrid, o Barcelona se julga discriminado. O clube catalão acha que houve privilégios ao time merengue no caso da anulação do cartão vermelho recebido por David Beckham contra o Valencia.

O Barça se indignou com a resolução do Comitê de Competição da Real Federação Espanhola de Futebol. O clube comparou a situação com a de Lionel Messi, que recebeu um cartão amarelo por simular um pênalti na partida contra o Osasuna, na última rodada do campeonato espanhol.

Indignados, dirigentes da equipe enviaram um vídeo para o comitê para tentar provar a inocência do argentino no caso. Porém, o pedido foi indeferido.