Um dos grandes times da história do futebol mundial foi o Milan de 1994. Depois da era Arrigo Sacchi, o time comandado por Fabio Capello deu continuidade à era de vitórias. Foi aquele time com Sebastiano Rossi, Mauro Tassotti, Paolo Maldini, Boban, Desailly e Savicevic. Foram 58 jogos de invencibilidade daquele time no Campeonato Italiano, o mais forte do mundo na época. Com outro time espetacular, o Bayern de Munique está chegando a essa marca. Neste sábado, venceu o Bayer Leverkusen na Allianz Arena por 2 a 1 e chegou a 50 jogos invicto na Bundesliga, apenas oito jogo do recorde do Milan.

O maior recorde de invencibilidade em campeonatos nacionais do futebol europeu é do Steaua Bucareste. Foram 104 jogos, entre agosto de 1987 e setembro de 1989. Mas como o time é pouco expressivo em um campeonato de nível técnico inferior, o recorde é apenas um número. Vale o mesmo para outros times recordistas, como Sheriff Tiraspol (63 jogos na Moldávia), Celtic (62 na Escócia), entre outros. O time mais relevante da lista é mesmo o Milan, que ficou 58 jogos invicto entre 26 de maio de 1991 e 21 de março de 1993.

O Leverkusen, adversário derrotado pelo Bayern neste 50º jogo de invencibilidade, foi justamente quem venceu o clube bávaro pela última vez na Bundesliga. Foi no dia 28 de outubro de 2012. Não dá para pensar quando será a próxima derrota do time. Com o futebol que apresenta, a possibilidade que parece mais plausível é o time entrar em campo relaxado depois da conquista do título e acabar perdendo um jogo bobo. Ou alguma surpresa, que no futebol não pode ser descartada. Entre os próximos adversários estão o Borussia Dortmund, no dia 12 de abril e três jogos perigosos nas últimas três rodadas: Weder Bremen no dia 26 de abril, Hamburg, no dia 3 de maio, e Stuttgart, no dia 10 do mesmo mês. Considerando que o Hamburg vive a dramática luta contra o rebaixamento e o Bayern já será campeão a essa altura, não é difícil imaginar que o time do norte consiga superar o supercampeão do sul.

Só que se o Bayern quiser superar o Milan já nesta temporada, precisará manter-se invicto nos nove jogos restantes. Ou, ao menos, nos próximos oito, para igualar a marca. Será possível?