Nada de ir ao Japão para passeio ou apenas para cumprir um compromisso desagradável. Para o Liverpool, a disputa do Mundial Interclubes no início de dezembro será levada a sério, ao contrário de outros anos, nos quais as equipes européias desprezavam o torneio.

´Tentaremos e faremos nosso melhor. As pessoas dizem que estaremos cansados ou não levaremos nosso melhor time. Não só estaremos com os melhores jogadores como em boas condições físicas, porque é um grande desafio para mim´, afirmou Rafa Benítez.

O treinador persegue um recorde: conquistar a Copa Uefa, a Liga dos Campeões e o Mundial Interclubes em temporadas consecutivas.

Steven Gerrard partilha da mesma empolgação do técnico e não acredita que o excesso de jogos possa prejudicar seu desempenho na Copa do Mundo. ´Há duas maneiras de se olhar para o Mundial Interclubes. No negativo, o torneio chega em uma hora errada. No positivo, podemos utilizar a conquista da taça como um fator de motivação para o restante da temporada. E é assim que nós encaramos´.

O Liverpool enfrentará nas semifinais o vencedor da partida entre Saprissa e Sidney FC. Caso passem, os Reds enfrentarão São Paulo, Al Ahly ou Al Ittihad na final.