O Betis não poderá contar com o atacante Ricardo Oliveira por pelo menos quatro meses. O brasileiro se machucou na partida desta quarta-feira contra o Chelsea, pela Liga dos Campeões. Os primeiros exames indicam que ele sofreu uma fratura óssea interna no joelho direito com distensão de todos os ligamentos da área.

Oliveira não deverá ser operado, mas terá que ficar com o joelho imobilizado por um mês e meio, antes de iniciar a recuperação. Dependendo do dano sofrido pelos ligamentos, o prazo para retorno aos gramados pode ser superior aos quatro meses inicialmente previstos.