Entre as contratações de última hora feitas na Bundesliga durante o 31 de janeiro, o RB Leipzig fechou aquela que talvez seja a mais interessante. Ademola Lookman surgiu como fenômeno no Charlton e o Everton desembolsou £7,5 milhões para contratá-lo. O garoto brilhou logo na estreia, fechando o caixão na surpreendente vitória por 4 a 0 sobre o Manchester City. E ficou nisso. Não estourou como o esperado e mal teve espaço em meio à draga da atual temporada, com aparições raras. Os Toffees, então, o disponibilizaram para empréstimo. Negócio fechado pelo clube da Red Bull, que já vê resultados. Neste sábado, o inglês de 20 anos saiu do banco e, nos instantes finais, anotou o gol da vitória por 1 a 0 sobre o Borussia Mönchengladbach.

Geralmente escalado pela ponta esquerda no Everton, Lookman entrou na função, substituindo o português Bruma durante o segundo tempo. Teve cerca de 15 minutos em campo. E, ainda assim, conseguiu definir o resultado favorável em pleno Borussia Park. O gol saiu aos 44, em boa jogada individual do novato. Ele recebeu de Naby Keita (que, ironicamente, pode ser seu rival de clube dentro de alguns meses), passou pelo primeiro marcador e, aproveitando o corredor vazio, invadiu a área para bater cruzado. Belo tento, que deixa o Leipzig na terceira posição da Bundesliga, com 35 pontos. Em sétimo, o Gladbach perde uma oportunidade de se impulsionar, ficando com 31.

Nos últimos tempos, jovens de diferentes países têm escolhido a Bundesliga para se desenvolver. E o movimento entre as promessas inglesas começa a se intensificar. Na atual temporada, Reece Oxford teve uma passagem curta pelo próprio Gladbach, enquanto Jadon Sancho deixou o Manchester City para se juntar ao Borussia Dortmund. Agora, Lookman possui seis meses para se provar e, quem sabe, até ficar na Red Bull Arena, em um clube que prioriza os prodígios. Mesmo com uma trajetória curta, o Leipzig já revelou um bom número de talentos. Não estranha que alguns adolescentes considerem com mais frequência a mudança ao leste da Alemanha.