O River Plate assumiu a liderança do torneio Clausura por méritos próprios e um deslize do maior rival. A equipe derrotou o Olimpo por 3 a 0 em casa, pela décima rodada da competição, e ainda contou com o tropeço do Boca Juniors. A equipe ‘xeneize’ empatou sem gols com o Tiro Federal. Um resultado que apimenta ainda mais o clássico entre os dois clubes, marcado para o próximo fim de semana.

No Monumental de Nuñez, o River chegou à vitória graças às atuações destacadas de Montenegro, responsável pela criação de diversas jogadas perigosas, e Gonzalo Higuaín, autor de dois gols. O Olimpo praticamente não deu trabalho aos donos da casa. O primeiro gol saiu aos 23, com Higuaín. Aos 41, ele mesmo ampliou. Montenegro deixou sua marca no segundo tempo, aos 19. O River foi a 21 pontos e está há oito jogos sem perder.

O Boca Juniors tropeçou mais uma vez fora de casa contra uma equipe pequena. Desta vez, o Tiro Federal conseguiu parar o clube de La Bombonera. Os anfitriões, mesmo armados de forma defensiva, criaram as melhores chances. Sem criatividade, o Boca não conseguia fazer a bola chegar ao ataque com criatividade. O empate sem gols deixou o time em segundo, com 20 pontos.

O Newell’s Old Boys também se aproveitou do tropeço do Boca. A equipe derrotou o Independiente por 2 a 0 e segue em terceiro, mas agora com os mesmos pontos do rival. Dependendo do resultado do clássico, o Newell’s pode até mesmo assumir a ponta na próxima rodada.

Veja os resultados deste fim de semana pela décima rodada do torneio Clausura:

Argentinos Juniors 0x1 San Lorenzo
Banfield 1×0 Estudiantes
Colón 1×3 Vélez Sarsfield
Newell’s Old Boys 2×0 Independiente
Racing 0x0 Lanús
Quilmes 1×1 Rosario Central
Gimnasia 2×0 Instituto
Tiro Federal 0x0 Boca Juniors
Arsenal 2×5 Gimnasia (Jujuy)
River Plate 3×0 Olimpo