Marcas d’água, detalhes psicodélicos, cores estranhas. Os designers de camisas de futebol resolveram entrar em uma onda meio anos 80/90. O que não é necessariamente uma boa coisa. Basta ver a camisa do Borussia Dortmund para a temporada 2014/15.

CAMISAS: O retorno do futebol brasileiro não é de todo ruim. Olha só as novas camisas do Náutico

Não é uma camisa feia, até porque as cores ajudam bastante. Mas o histórico recente do clube aurinegro é muito melhor. Esse negócio de fazer metade da camisa lisa e a outra metade listrada não é muito legal. Já foi feito, ficou registrado na história e pronto. Um exemplo foi a Dinamarca de 1986.

Elkjaer defendendo a Dinamarca na Copa de 1986

Elkjaer defendendo a Dinamarca na Copa de 1986