Estreia do Ajax na Champions foi repleta de homenagens a Nouri, até dos adversários

O Ajax tenta retomar a sua rotina depois das semanas desalentadoras. O colapso sofrido em campo por Abdelhak Nouri e a notícia de que o meio-campista de 20 anos não recuperaria funções vitais abalou a todos no clube. Entretanto, era preciso seguir em frente – por ‘Appie’. E, nesta quarta, os Godenzonen iniciaram a temporada com diversas homenagens ao jovem. Pela terceira fase preliminar da Liga dos Campeões, os holandeses visitaram o Nice, buscando o empate por 1 a 1 no Allianz Riviera, resultado interessante para o reencontro em Amsterdã, marcado para a próxima semana.

VEJA TAMBÉM: Em meio à dor, torcida do Ajax oferece alento à família de Nouri e presta lindo tributo

O tributo a Nouri começou pelos próprios adversários. Os jogadores do Nice entraram em campo para o aquecimento vestindo camisetas com a frase ‘Stay strong, Appie’. Além disso, nas arquibancadas, a torcida do Ajax também desejou forças ao garoto. Levou uma faixa com a sua imagem, além de algumas camisas com o número 34, usada pelo meio-campista – também vista entre os jogadores, estendida no banco de reservas. Durante a partida, a torcida ainda cantou o nome do meio-campista.

O Nice saiu em vantagem durante o primeiro tempo. Jean Seri fez grande jogada pelo lado direito do ataque, enfileirou os marcadores e cruzou rasteiro para Mario Balotelli apenas escorar na pequena área. Já no segundo tempo, o Ajax cresceu de produção e conseguiu arrancar o empate com Donny van de Beek – justo ele, amigo e companheiro de Appie desde as categorias de base. Na comemoração do gol, o meio-campista saiu gesticulando o número 34 com as mãos.

“Esse gol foi importante e necessário para todos no Ajax. Mas ele é especialmente para Appie e sua família. Eu os amo muito e o time realmente quer apoiá-los. Isso foi para eles. É um período difícil, eu realmente não estou pronto para falar muito sobre o assunto”, declarou Van de Beek, na saída de campo. E o reencontro na Amsterdam Arena durante a próxima semana certamente guardará mais carinho para Nouri. Quem sabe, oferecendo também a classificação ao jovem.

Time de Hagi, simbolicamente, estreia na Champions com gol de falta

Gheorghe Hagi fez uma das partidas mais simbólicas de sua carreira na Supercopa Europeia de 1986/87. A princípio emprestado ao Steaua Bucareste apenas para aquele jogo, o meio-campista de 22 anos vestiu a camisa 10 e comandou a conquista dos romenos contra o Dynamo Kiev. Foi dele o gol de falta que determinou a vitória por 1 a 0 no Estádio Louis II. E, por vias tortas, a história se repetiu na estreia do Viitorul Constanta (clube fundado, presidido e treinado pelo velho craque) na Liga dos Campeões.

O primeiro gol do Viitorul nas copas europeias veio justamente em uma cobrança de falta. Cristian Ganea foi o responsável pelo tento, valendo o triunfo por 1 a 0 sobre o Apoel Nicósia, em partida disputada no Estádio Central de Ovidiu. Não será surpreendente se os romenos conseguirem superar um adversário de bom retrospecto na Champions, com boa vantagem para o reencontro no Chipre.

 

Nas demais partidas

Individualmente, Dieumerci Mbokani e Márcio Mossoró merecem destaque por aquilo que fizeram nesta quarta. O congolês deixou sua marca pelo Dynamo Kiev, na vitória por 3 a 1 sobre Young Boys, disputada na Ucrânia. Fez de letra, após ótima jogada individual de Andriy Yarmolenko. Já na Bélgica, Márcio Mossoró foi o nome no bom empate do Istanbul Basaksehir contra o Club Brugge, por 3 a 3. Os belgas abriram dois tentos de vantagem, até que os turcos buscassem a virada, com dois tentos do brasileiro. Contudo, acabaram cedendo, com a segunda cobrança de falta convertida por Stefano Denswil na noite.

Astana e Hapoel Beer Sheva construíram boas vantagens ao derrotarem, respectivamente, Legia Varsóvia e Ludogorets, por 3 a 1 e 2 a 0. O Maribor deu um passo importante também com o triunfo por 1 a 0 sobre o Hafnarfjordur. Já em Red Bull Salzburg 1×1 Rijeka e em Celtic 0x0 Rosenborg, prevaleceu o empate. Os jogos de volta, que definirão os classificados à última fase preliminar da Champions, acontecem na próxima semana.