Investidores lucram mais de 200% com empates de Palmeiras x Ponte Preta e Inter x São Paulo

No fim de semana em que a seleção brasileira de futebol finalmente alcançou o inédito ouro olímpico ao vencer a Alemanha nos pênaltis, no estádio do Maracanã, a bola também rolou pelo Brasileirão da Série A, com nove jogos entre sexta-feira (19) e domingo (21). A Ponte Preta confirmou ser a pedra no sapato do líder Palmeiras no Allianz Parque e segurou um empate em 2 a 2, proporcionando 281% de lucro para os diversos investidores do OddsShark.com/br que apostaram na invencibilidade da Macaca após três partidas no novo estádio palmeirense. Outra igualdade que garantiu a alegria dos apostadores, mas não das torcidas de ambos os times, foi o 1 a 1 entre Internacional, 15º colocado com 23 pontos, e o São Paulo, 11º com 27 pontos, no estádio Beira-Rio.

Precisando de uma vitória a todo custo para garantir, no mínimo, uma distância de três pontos sobre o segundo colocado, o Palmeiras chegou a estar por duas vezes na frente do placar: a primeira, com Rafael Marques, que apenas empurrou a bola para a rede após receber o cruzamento rasteiro de Roger Guedes, em ótima jogada pela ponta direita; a segunda, com Thiago Martins, de cabeça. No entanto, em duas oportunidades a Macaca não deixou se abater, buscou o empate com Wellington Paulista e William Pottker e frustrou os quase 30 mil torcedores presentes. O resultado caiu no colo dos investidores, que lucraram R$ 2,81 para cada real investido. Em uma aposta de R$ 100, por exemplo, o retorno foi de R$ 281.

Quem se beneficiou com o tropeço do Palmeiras, ainda líder da competição com 40 pontos, foram Atlético Mineiro e Flamengo. As duas equipes venceram suas partidas, consideradas “jogos dos seis pontos”, por causa dos confrontos com adversários que brigam diretamente pelo topo da tabela. Com placar magro (1 a 0), o Galo superou o Atlético Paranaense, 9º colocado, com 30 pontos, e ganhou duas posições, assumindo a vice-liderança, com 38 pontos. O gol solitário de Robinho, que balançou as redes oponentes nos últimos seis embates no Independência, garantiu retorno modesto de R$ 0,43 para cada real investido. Já o Rubro-Negro, que no domingo teve como sua casa o Mané Garrincha, derrotou o Grêmio por 2 a 1. A partida marcou a estreia do meia Diego, que por sinal teve início com o pé direito. O meio-campista anotou o segundo gol, de cabeça, dos cariocas, que fez o clube subir  três posições na classificação. Leandro Damião, pelo Fla, e Henrique Almeida, pelos gaúchos, anotaram os outros gols. Agora, o Flamengo é o terceiro, com 37 pontos, dois a mais que o Grêmio, 5º colocado. Em se tratando dos investimentos realizados no OddsShark.com/br, a vitória na capital federal pagou R$ 2,02.

Já no Beira-Rio, a sina de 13 jogos sem vitória do Internacional teve mais um capítulo, agora contra o São Paulo. E com final dramático, uma vez que o destaque colorado Valdívia mandou para fora uma cobrança de pênalti aos 45 minutos do segundo tempo, que certamente decretaria vitória gaúcha. Antes disso, o Tricolor Paulista havia aberto o placar com Cueva, de pênalti, após Paulão derrubar Hudson na área. Pressionando o rival – 15 finalizações na segunda etapa –, o Inter só parava no goleiro Dênis, em tarde inspirada. Os donos da casa até conseguiram o empate em um gol contra de Mena, mas a penalidade desperdiçada por Valdívia aumentou ainda mais o desespero gaúcho. O empate, que de nada ajudou os times, trouxe grande impacto para os investidores. O 1 a 1 bateu R$ 3,22, sendo R$ 2,22 para cada real investido.

Na capital paranaense, o Coritiba ganhou respiro na luta contra o rebaixamento ao vencer de virada o Santos por 2 a 1. O experiente Ricardo Oliveira abriu o placar para os visitantes, mas o Coxa Branca igualou com Kleber Gladiador. Com o time recuado, os paulistas viram Iago marcar um belo gol, de fora da área, que decretou os três pontos alviverdes. A equipe pulou para a 14ª posição, com 25 pontos, e ajudou os investidores com retorno de R$ 1,46 para cada real investido. Com o revés, o Peixe caiu duas posições na tabela: quarta posição, com 36 pontos. O clube paulista pode ainda deixar o G-4 se o Corinthians, favorito no confronto contra o Vitória, jogo que encerra a 21ª rodada nesta segunda-feira (22), vencer o embate em Itaquera, às 20h. O Alvinegro está cotado em R$ 1,45. Uma zebra em São Paulo custará caro aos alvinegros, mas pode ser o “retorno” da rodada, pagando R$ 7,14 para cada real investido. Já o empate, considerado de risco médio, está cotado em R$ 3,33.

Demais partidas da 21ª rodada:

19/08 – América-MG (R$ 2,18) 1 x 2 Chapecoense (R$3,54); empate (R$ 3,10)
20/08 – Botafogo (R$ 1,08) 3 x 0 Sport (R$ 4,08); empate (R$ 3,37)
20/08 – Internacional (R$ 2,08) 1 x 1 São Paulo (R$ 3,72); empate (R$ 3,22)
21/08 – Santa Cruz (R$ 2,49) 0 x 1 Fluminense (R$ 2,91); empate (R$ 3,18)
21/08 – Figueirense (R$ 3,20) 1 x 2 Cruzeiro (R$ 2,27) – empate (R$ 3,24)