Palpite nos visitantes é mais rentável nos jogos de ida da semifinal da Copa do Brasil

Começa hoje (26), a fase semifinal da Copa do Brasil 2016, com um encontro entre campeões e outro que reúne os únicos tetras da competição. Com ambas as partidas marcadas às 21h45 (horário de Brasília), os quatro times envolvidos na disputa têm a melhor chance de terminarem o ano com um título de peso e que dá direito a uma vaga na fase de grupos da Copa Libertadores da América. E ainda existe a possibilidade de termos uma decisão com um clássico regional.

Começamos com duelo que põe frente a frente os donos de oito taças (no total) do segundo maior torneio do país. No Mineirão, o Cruzeiro, que vem de campanha irregular no Campeonato Brasileiro, quer fazer de tudo para aliviar a barra com a torcida em 2016, quando nem o troféu do Campeonato Mineiro deste ano teve como destino a Toca da Raposa – o América Mineiro foi o campeão.

Do outro lado, o Grêmio, que ainda luta para alcançar o G-6 do Brasileirão, conseguiu reagir depois da contratação do maior ídolo de sua história, Renato Gaúcho, para comandar a equipe. E como no mata-mata é fundamental construir um bom resultado na casa do adversário, de preferência marcando gols, vale a pena aproveitar a ótima cotação de R$ 4,88 por cada real, segundo o Oddsshark.com/br, em cima da vitória tricolor em Belo Horizonte.

Mas se você confia na pressão criada pela massa celeste no estádio, além da força ofensiva do time de Mano Menezes, comandado pelo ex-Colorado Rafael Sóbis, saiba que a margem de resgate, caso a Raposa largue na frente, é de 74%, enquanto o empate vale R$ 3,46. O placar igual em 0 a 0 (R$ 7,00/R$ 1) é menos danoso aos mineiros. Agora, acima de 1 a 1 (R$ 7,00/R$ 1) já fica mais atrativo às pretensões gremistas.

Um resultado de vantagem mista é o famoso 2 a 1 (R$ 8,50/R$ 1) para os mandantes. Por quê? Simples. Qualquer triunfo é sempre vantajoso, mas, pelo critério do gol fora, o Grêmio garantiria vaga na final com o placar mínimo a seu favor, em Porto Alegre, no dia 2 de novembro. Mas o marcador dos sonhos dos mineiros, logicamente, é o 2 a 0 (R$ 7,00/R$ 1) ou mesmo o 3 a 1 (R$ 17/R$ 1). Mas se o Imortal Tricolor surpreender, mesmo com um suado 1 a 0, os investidores ficam com R$ 10/R$ 1, de acordo com o Oddsshark.com/br.

O outro embate entre gaúchos e mineiros, na semifinal, acontece no Gigante da Beira-Rio, onde o Inter, campeão em 1992, encara o Atlético Mineiro, vencedor do título de 2014. A apenas dois pontos do Z-4, o Colorado encontra-se, pelo menos, em um momento de ascensão. Mas a parada de hoje será duríssima para os comandados de Celso Roth, já que o Galo ainda tem motivos para sonhar com o título brasileiro e quer, também, beliscar a Copa do Brasil.

Mas como o estádio do Inter vai se transformar em um verdadeiro caldeirão, é um bom palpite alocar seus recursos nos anfitriões, no que acarretaria em 238% de retorno. E como um dos grandes trunfos do alvinegro das Minas Gerais é o setor ofensivo, com nomes do porte de Robinho, Pratto, Cazares e Luan, há motivos de sobra para acreditar que o Atlético pode sair na frente no jogo de ida, quando a valorização dos investimento seria de 301%, praticamente o triplo. O empate, independente do placar, tem rentabilidade de 316%, seguindo o prognóstico do Oddsshark.com/br.

Mas vamos aos scores pré-determinados na segunda semifinal da Copa do Brasil, começando com a equipe da casa. O Inter sabe que não ter sua meta vazada na primeira partida. Portanto, vamos imaginar uma escala progressiva de resultados benéficos aos as gaúchos, começando desde o modesto 1 a 0 (R$ 7,00/R$ 1), passando pelo 2 a 0 (R$ 11/R$ 1), 3 a 0 (R$ 23/R$ 1) e até um espetacular 4 a 0 (R$ 51/R$ 1). Conforme sua intuição, dá para faturar bonito!

Com relação ao Galo, quanto mais vezes balançar as redes em Porto Alegre, melhor. Estamos falando de dois gigantes do futebol brasileiro e que não vão poupar disposição em busca de um grande espetáculo. Logo, um placar em 3 a 2 (R$ 34/R$ 1), mesmo que em favor do Internacional, dá a chance de os mineiros, no encontro de volta, levar a vaga com a diferença mínima (até 2 a 1). Agora, pensando em resultados positivos em prol dos atleticanos, há boas oportunidades de encher o bolso com scores em 1 a 0 (R$ 7,50/R$ 1), 2 a 0 (R$ 15/R$ 1) e, também, o 3 a 1 (R$ 26/R$ 1), segundo o Oddsshark.com/br.