Vitória do Botafogo sobre Atlético Nacional paga cinco vezes mais que a do atual campeão

Dois clubes completam a participação dos brasileiros, nesta quinta-feira, em uma semana de disputas acirradas na Copa Libertadores da América. Enquanto o Botafogo terá uma pedreira na Colômbia, onde irá encarar o atual campeão da competição, o Atlético Nacional, o Atlético Mineiro receberá a visita dos bolivianos do Sport Boys, no estádio Independência. A seguir, fique com os números do Oddsshark.com/br para os dois confrontos e saiba quanto os investidores levaram nas vitórias de Grêmio, Palmeiras e Flamengo.

Atlético Nacional x Botafogo

E lá vai o Botafogo cruzar o caminho de mais um adversário osso duro de roer na atual edição da Libertadores. Enquanto a maioria dos times que seguem na disputa atuou, no máximo, três vezes, o Glorioso vai para a sua sexta partida contra um campeão da competição. Depois do martírio na fase preliminar, quando eliminou os tradicionais Colo-Colo (CHI) e Olimpia (PAR), o Fogão fez a estreia no Grupo 1 contra o Estudiantes (ARG), no estádio Nilton Santos, onde conseguiu os três pontos.

Agora, o Alvinegro de General Severiano terá que provar mais uma vez que não será um mero coadjuvante na luta por um título inédito e tão sonhado pela torcida. Às 21h45 (horário de Brasília) desta quinta-feira, os cariocas medirão forças contra o Atlético Nacional (COL), no estádio Atanasio Girardot, em Medellín. Diferente dos visitantes, os Verdolagas iniciaram a campanha na Libertadores com derrota para o Barcelona de Guayaquil (2 a 1), no Equador – que lidera a chave com seis pontos, após derrotar o Estudiantes, por 2 a 0, em La Plata, na abertura da segunda rodada.

Além das dificuldades naturais, o Botafogo ainda precisará superar os desfalques importantes de Montillo, Airton e Marcelo, sem falar que a equipe de Jair Ventura não tem à disposição os três especialistas na lateral-direita do elenco: Jonas e Marcinho, machucados, e Luís Ricardo, em fase final de recuperação de duas cirurgias. Em tese, o quarto jogador que atua pelo corredor direito, Marcelo, zagueiro de ofício, também está fora – o meia Fernandes deve entrar em campo para fazer a função.

Apesar de os mandantes estarem invictos em casa, na temporada, o Glorioso nunca perdeu para o adversário na história. Em cinco confrontos, o Alvinegro venceu três e empatou dois. No entanto, o jejum de vitórias do Fogão, no exterior, já dura 24 anos – o último triunfo foi contra o Caracas, na campanha do título da Copa Conmebol de 1993.

Mas os números do Oddsshark.com/br são claros no que diz respeito a colocar o Nacional de Medellín como favorito, quando a vitória paga R$ 1,50 por R$ 1. No caso do Bota, um triunfo na Colômbia paga cinco vezes mais: R$ 7,50 sobre cada real – o empate vale o retorno de 375% nos investimentos. E quem conhece o caminho das pedras nas apostas de futebol sabe que, em um duelo que promete muita luta em campo, os anfitriões têm mais condições de chegarem a um resultado positivo com um gol de diferença, cotado em R$ 3,25/R$ 1.

Atlético Mineiro x Sport Boys

O outro alvinegro em campo nesta noite, mais precisamente às 19h30 (horário de Brasília), terá, em tese, um desafio menos tortuoso. Afinal, o Atlético Mineiro, clube que conta com um dos elencos mais fortes do futebol brasileiro, irá receber o Sport Boys (BOL), time de pouca expressão no cenário sul-americano, no caldeirão do estádio Independência, também conhecido como Horto, e que foi fundamental na campanha histórica do Galo que culminou com a conquista da Copa Libertadores de 2013.

Como todos os ocupantes do Grupo 6 somam um ponto, a vitória atleticana, que proporcionaria o rendimento de 12% nos aportes, pode garantir a liderança isolada aos mineiros. Já os três pontos dos bolivianos são tidos pelo Oddsshark.com/br como uma missão quase impossível, que representaria a pomposa recompensa de R$ 15 sobre cada real. Mas se as duas equipes empatarem novamente na chave, o investidor recebe a ótima bolsa de R$ 9,00 por R$ 1.

Flamengo, Grêmio e Palmeiras bem na fita

Nesta semana, três clubes brasileiros conseguiram os três pontos com muito sacrifício. Começamos com o Grêmio, que, na terça-feira (11), por pouco não se complicou contra o Deportes Iquique (CHI). Depois de abrir 3 a 0, em Porto Alegre, o Tricolor viu os chilenos diminuírem para 3 a 2. Mas não passou disso. O resultado valeu o lucro de R$ 1,47/R$ 1.

No Rio, o Flamengo também não teve vida fácil contra o Atlético-PR. O triunfo por 2 a 1 gerou o pagamento de R$ 1,38/R$ 1. E por fim, o Palmeiras quase matou do coração a torcida que lotou as dependências do Allianz Parque, ao garantir a vitória por 3 a 2 sobre o Peñarol com um gol aos 54 minutos da etapa final. Três pontos na conta e retorno de 25% para os apostadores.

Confira as demais partidas da Libertadores nesta quinta-feira:

19:30 – Emelec (R$ 1,75), Independiente Medellín (R$ 5,00), empate (R$ 3,40)
21:00 – River Plate (R$ 1,16), Melgar (R$ 15,00), empate (R$ 7,00)