Ainda devem existir muitos torcedores do Botafogo que guardam raiva de Juan Castillo. O goleirão chegou ao alvinegro com a pecha de ser convocado para a seleção uruguaia e mais acumulou frangos do que defesas em sua passagem por General Severiano. Bom, hoje os botafoguenses estão muito bem servidos com Jefferson. E podem ficar sabendo que Castillo não mudou nada, mesmo quase cinco anos depois de sua despedida do Rio de Janeiro.

Desde o ano passado, Castillo é o camisa 1 do Peñarol. E os carboneros também devem ter um pé atrás com seu arqueiro. Na estreia do clube no Campeonato Uruguaio, o goleiro protagonizou um daqueles frangos que lhe são característicos. Logo aos sete minutos de jogo, ele deixou a bola passar por entre os braços e também pelo meio das pernas, fácil para Sebastian Taborda abrir o placar para o River Plate. Para sua sorte, o time de Jorge Fossati virou e venceu por 2 a 1, em uma reação nos cinco minutos finais.