Simone Verdi é considerado um talento em ascensão no futebol italiano. O atacante de 25 anos é cria do Milan e não vingou no Torino em seus primeiros anos, mas vai recuperando o moral. Depois de se destacar no Empoli, desde 2016 ele é um dos protagonistas do Bologna. E a fase com os rossoblù rendeu até mesmo uma chance na seleção italiana, convocado por Gian Piero Ventura em março deste ano.

Nesta temporada, Verdi demora um pouco mais para engrenar. Havia marcado apenas um gol nas primeiras 11 rodadas da Serie A, garantindo o empate contra a Internazionale. Entretanto, viveu uma tarde singular neste sábado, apesar da derrota por 3 a 2 para o Crotone. O camisa 9 marcou os dois gols do Bologna. Dois gols de falta. E o mais interessante: um gol com cada pé, num intervalo de oito minutos. Adaptando-se às diferentes posições da cobrança, o atacante teve precisão tanto com a direita quanto com a canhota. Maestria pura. Agora, precisa ser mais regular. Os rossoblù atravessam um mau momento nas últimas rodadas, acumulando o quarto revés consecutivo. Ocupam o modesto 12° lugar.