Acabou a invencibilidade de 40 partidas do Chelsea na Premiership. A semana termina de forma dolorosa para os Blues, após um início de temporada arrasador. Após perder para o Betis por 1 a 0 na Liga dos Campeões, no meio de semana, a equipe de José Mourinho foi batida pelo Manchester United pelo mesmo placar hoje, na rodada da Premiership. O Inglês, desta forma, volta a ter um pouco de graça.

Os Red Devils vinham de uma seqüência de vexames. Na rodada passada do Inglês, o time foi goleado pelo Middlesbrough por 4 a 1 e perdeu para o Lille, na Liga dos Campeões, na quarta. Agora, o clube de Alex Ferguson se recupera na tabela e ganha novo ânimo para o restante da temporada.

Em Old Trafford, o Manchester saiu na frente com um gol de Darren Fletcher aos 31 minutos, justificando o domínio dos anfitriões até o momento. Na segunda etapa, José Mourinho tentou dar mais ofensividade à equipe, trocando Essien por Gudjohnsen. A entrada do islandês fez os visitantes se lançarem mais ao ataque. Porém, o Chelsea apresentou muito nervosismo para conseguir chegar ao empate.

O jogo ganhou em emoção. Van der Sar fez uma bela defesa ao bloquear um chute de Lampard. Duff também desperdiçou uma boa chance de igualar. O Manchester revidou, com o passe de Fletcher para Van Nistelrooy. No entanto, o holandês mandou a bola por cima. Cristiano Ronaldo ainda assustou com seus chutes pela esquerda. A vitória elevou os Red Devils para o terceiro lugar, com 21 pontos. Os Blues, líderes absolutos com 31 pontos, vêem a vantagem para o Wigan diminuir para seis pontos. Os Latics têm um jogo a menos.

No outro jogo deste domingo, o Everton derrotou o Middlesbrough em casa por 1 a 0. Os Toffees acabaram com a série de três vitórias consecutiva do Boro ao conquistar sua primeira vitória dentro do Goodison Park nesta temporada. O gol de cabeça marcado por James Beattie fez a equipe sair do bloco dos rebaixados: agora está em 16º, com dez pontos e um jogo a menos. O Middlesbrough vem em 13º, com 15.

A rodada será completada amanhã, com a partida entre Bolton e Tottenham.