São cada vez menores as chances de haver disputa pelo título até as últimas rodadas no Campeonato Inglês. Neste sábado, o líder Chelsea venceu o Bolton por 2 a 0 na casa do adversário e abriu mais dois pontos de vantagem em relação ao segundo colocado, o Manchester United. No próximo fim-de-semana, basta ao time londrino fazer mais pontos que os Red Devils para confirmar matematicamente o título.

Os Blues nem precisaram se esforçar muito para vencer. O Bolton começou um pouco melhor e criou algumas oportunidades no primeiro tempo, mas o jogo foi arrastado como um todo. À medida que o tempo passava, o Chelsea ganhava espaço na partida e acabou fazendo seu primeiro gol antes mesmo do intervalo. Aos 42 minutos, Lampard cobrou falta na cabeça do capitão Terry, que colocou no canto direito do goleiro Jaaskelainen.

O gol deu mais tranqüilidade ao Chelsea, que ditou o ritmo sem grandes dificuldades após o intervalo. Até que, aos 13 minutos, em uma seqüência de troca de passes envolventes, Crespo descobriu Lampard livre na área. O segundo melhor jogador do mundo em 2005, de acordo com a Fifa, recebeu o lançamento e finalizou de primeira, sem possibilidades para o goleiro do Bolton.

Com o resultado praticamente assegurado, a equipe dirigida por José Mourinho passou a administrar as ações, esperando o apito final do árbitro. O Bolton também não mostrou muita disposição para buscar uma improvável recuperação nos últimos minutos.

Assim, o Chelsea foi para 85 pontos, nove à frente do Manchester United, que empatou com o Sunderland nesta sexta. A quatro rodadas do final, basta ao clube londrino fazer mais pontos que o concorrente na próxima rodada, programada para esta segunda, para ter a certeza matemática do título. O Bolton manteve a sétima posição, com 48 pontos, e perde força na disputa por uma vaga na Copa Uefa.