O Chivas demitiu nesta sexta o técnico Hans Westerhof. A equipe de Guadalajara será dirigida até o fim da temporada por José Manuel de la Torre.

Segundo Nestor de la Torre, vice-presidente do clube, Westerhof foi demitido em razão do fraco desempenho da equipe. “Os resultados futebolísticos não são os desejados. A equipe conquistou 41% dos pontos disputados e a forma de atuar não é a que desejamos. Esta foi uma decisão conjunta da diretoria. José Manuel será o treinador até o final da temporada”, afirmou o dirigente

O vice-presidente considerou que o time não tinha a característica desejada pela diretoria. “O Chivas deve ser uma equipe agressiva, com outra idéia, e não seria com Hans que conseguiríamos isso”, comentou.

Questionado se a demissão de Westerhof não prejudicaria o time, o dirigente foi claro: “A decisão foi tomada agora e não voltaremos atrás. Queremos melhores resultados e estes são riscos que devemos correr”, disse.

O Chivas enfrenta no fim de semana o Cruz Azul pelo torneio Clausura. Na competição, a equipe ocupa o quarto lugar no grupo 3, com 13 pontos. Na Libertadores, está em segundo no grupo 1, com quatro pontos, dois atrás do líder São Paulo.