*belangwekkend = “interessante” em holandês

El día que un partido de fútbol reconcilió a ‘ticos’ y ‘nicas’
(O dia em que uma partida de futebol reconciliou ‘ticos’ e ‘nicas’)

Carlos Salinas Maldonado, do El País, conta a partir da Manágua como a campanha costarriquenha serviu para melhorar o relacionamento historicamente complicado entre Costa Rica e Nicarágua.

Continental shift in World Cup power has levelled the playing field
(Mudança do balanço de força continental da Copa equilibrou o nível do jogo)

O ex-goleiro David James escreveu um artigo no Guardian refletindo sobre o crescimento da classe média latino-americana em relação à Europa, e como o futebol está evoluindo para ter mais equilíbrio ainda entre continentes.

El caso Suárez: La lucidez Uruguaya se ahoga en el mar celeste
(O caso Suárez: a lucidez uruguaia se afoga no mar celeste)

O jornalista uruguaio Luis Roux, do El Observador, escreve no Guardian como os uruguaios estão encarando a decisão da Fifa sobre Luis Suárez e como foi sua experiência de uma rara voz a concordar com a punição.

U.S. fans prove the nation’s soccer love
(Torcedores americanos provam o amor ao futebol)

Rory Smith, inglês, escreve no ESPN FC que os norte-americanos podem se considerar um país com torcedores reais de futebol, e como, para a Copa do Mundo, eles até são melhores que os europeus em um aspecto.

Também lemos isso de legal:

Depois das críticas, candidatos tentam colher dividendos eleitorais com a Copa

Rodrigo Rodrigues, do Terra, mostra como, depois de afastamento inicial, candidatos de diversos partidos estão aproveitando o sucesso da Copa para ganhar simpatia do eleitorado.

Lobbies de hotéis são ‘blindados’ por Interpol contra manipulação de jogos na Copa

Como os cuidados para evitar manipulação de resultados faz que a vigilância se estenda até para os saguões de hotéis. Por Marcus Alves, do ESPN.com.br.

Fora da Copa, Irã ‘insinuou’ que abandonaria campo em caso de bandeiras de regimes anteriores

O blog Dois Toques, de Camila Mattoso e Marcus Alves, conta até onde iam as exigências do Irã na Copa, incluindo questões de cunho político e religioso.