El fútbol modesto hace las maletas

O êxodo de jogadores afetou bastante os clubes médios e pequenos de La Liga nas últimas temporadas. A debandada para a Premier League é notória, especialmente durante os últimos meses. Porém, não é só na elite que a Espanha perde seus talentos. E é exatamente sobre os efeitos da crise econômica nas divisões inferiores do país que o texto de Fernando Kallas trata.

Preocupado após manifestações de 2013, Pelé diz: ‘o futebol não tem nada com isso’

Em entrevista a André Kfouri, da ESPN, Pelé volta a falar sobre as manifestações no Brasil e sobre o impacto que elas podem ter na Copa do Mundo. E, assim como já tinha feito durante a Copa das Confederações, o Rei foi muito mal nas declarações, reafirmando seu receio de que os protestos possam atrapalhar e distanciando o futebol da política do país.

Nas condições atuais, Brasileirão 2014 é juridicamente impossível

Em matéria do IG, o jornalista Pedro Taveira avalia a viabilidade de realizar o Campeonato Brasileiro neste momento, com o atual andamento do imbróglio jurídico que envolve Portuguesa, Flamengo e Fluminense. E a conclusão, baseada em entrevistas com especialistas do direito, é de que o conflito entre as decisões não permitiria que o torneio começasse.

Último Rei

Mais uma bela crônica do Impedimento. Nesta, Victor da Rosa divaga sobre a carreira de Juninho Pernambucano do Vasco, após o anúncio de sua aposentadoria. A dedicação do Reizinho é exaltada, assim como o seu grande momento com a camisa do clube. Não à toa, um dos maiores ídolos recentes dos cruzmaltinos.

Calote? Presidente do Criciúma cobra R$ 21 milhões do Palmeiras pela negociação de Wesley

Uma acusação inusitada surgiu contra o Palmeiras nesta sexta-feira. O presidente do Criciúma, Antenor Angeloni, afirmou ter sofrido um calote dos alviverdes na contratação de Wesley. Tudo porque a empresa de Angeloni foi fiadora no negócio com o Werder Bremen. O cartola não alivia nas críticas aos seus colegas palmeirenses e se chama até de ‘bobalhão’.


Deixe uma resposta