*Polita = “legal”, “bonito” em basco

World Cup Ratings Show America Loves Big Events…And Yes, Soccer Too
(Audiência da Copa do Mundo mostra que os EUA gostam de grandes eventos… E, sim, de futebol também)

Excelente análise dos números da audiência recorde de Estados Unidos x Portugal na TV norte-americana. Mostra o que é apenas um fenômeno natural de pessoas querendo torcer pelo seu país em um grande evento e o que é realmente relevante como símbolo de um aumento de interesse pelo futebol. De Dan Levy, do Bleacher Report.

British morality? Uruguayan mendacity? A plague on both your houses
(Moral britânica? Falsidade uruguaia? Uma praga dos dois lugares)

O La Celeste Blog faz uma análise interessante sobre a repercussão da mordida de Luis Suárez na imprensa inglesa e uruguaia e no choque de culturas. E não poupa os dois lados: expõe a hipocrisia do moralismo britânico e a obsessão dos uruguaios por vencer a qualquer custo. Texto passional em demasia, de forma que dificilmente você concordará com tudo, mas vale a leitura.

Don’t Call It Luck: The Divine Powers of the Soccer Fan
(Não diga que é sorte: os poderes dividos nos torcedores de futebol)

A repórter Fernanda Santos conta no New York Times como a superstição é uma parte tão importante do futebol no Brasil quanto a bola e as traves. E não vá dizer a um torcedor que a mandinga dele não funciona.

Argelia, una cuestión de estado en Francia
(Argélia, uma questão de estado na França)

O El País da Espanha mostra como a campanha argelina na Copa do Mundo está mexendo com a França, incluindoa té mudança na programação da TF1, principal canal de TV do país. Por Rafael Pineda.

Lemos também isso de legal

Atirador pediu aval para ‘abater’ suspeito durante abertura da Copa

Reportagem de Reynaldo Turollo Jr. e Sabine Righetti, da Folha de Sâo Paulo, mostra como uma falha de comunicação quase fez um atirador de elite que fazia a segurança da partida de abertura da Copa disparar contra um PM. Já pensou se uma coisa dessa ocorresse naquela partida? Talvez toda a percepção mundial da Copa e o humor do brasileiro com a organização do torneio fosse MUITO diferente.

Comunidade na Bahia protesta contra a Alemanha: ‘Cadê o campo?’

Gustavo Hofman, da ESPN, conta como moradores da Vila de Santo André, no sul da Bahia, reclama com os incorporadores responsáveis por contruir o CT da Alemanha. Motivo: não cumpriram ainda a promessa de construir um campo como contrapartida para a comunidade.