A Copa do Imperador é tradicionalmente o que dá o primeiro título de futebol do ano. Ele fecha a temporada no Japão, que segue o ano-calendário, como o Brasil, mas a Copa do país só é decidida no dia 1º de janeiro. A temporada vai de março a dezembro. Cerezo Osaka e Yokohama Marinos confirmaram seus lugares na finalíssima depois de vitórias nas semifinais de sábado.

LEIA TAMBÉM: Com o sonho de ser grande na Tailândia e na Ásia, Chiangrai aposta em brasileiros dentro e fora de campo

O Cerezo Osaka conseguiu a vitória contra o Vissel Kobe por 3 a 1, na prorrogação. Será a primeira vez em 14 anos que o clube vai decidir o título. O time já conquistou o título da Levein Cup. “Nós estamos jogando com muito desejo de vencer a Copa do Imperador e a Copa da Liga, então, a vitória de hoje veio por isso”, afirmou Kakitani, que marcou um dos gols do time, já na prorrogação.

“Eu pensei que estávamos em perigo depois que meu pênalti foi defendido, mas a bola estava em um bom lugar e eu fiquei feliz de conseguir marcar o gol”. O brasileiro Souza, ex-Palmeiras, marcou o terceiro gol do Cerezo Osaka.

O adversário do Cerezo Osaka será o Yokohama Marinos, que bateu o Kashiwa Reysol, também na prorrogação, por 2 a 1. O grande responsável pela classificação foi o goleiro do Yokohama, Hiroki Iikura, que fez várias defesas importantes.

Ramon Lopez marcou o primeiro gol do jogo para o Kashiwa Reysol, mas Sho Ito empatou o jogo para os Marinos. A prorrogação estava quase no fim quando Hugo Vieira marcou o gol da vitória do Yokohama Marinos, evitando, assim, os pênaltis. O goleiro Iikura defendeu, nos minutos finais, um chute que poderia ter novamente empatado o jogo, mantendo a vitória.

A final será disputada no dia 1º de janeiro, às 2h30 (horário de Brasília) e terá transmissão no Brasil no canal NHK World.