Depois de dois tropeços consecutivos, o Manchester City reafirmou sua condição de líder do Campeonato Inglês ao vencer o Liverpool por 3 a 0. Com 48 pontos, os Citizens seguem firmes na liderança da Premier League, enquanto o Liverpool aparece apenas em sexto, com 14 pontos de desvantagem.

Com o jogo no City of Manchester equilibrado durante os primeiros minutos, o Liverpool teve oportunidade clara de sair na frente com Stewart Downing. O meio-campista foi lançado em profundidade e, de frente para o gol, viu o goleiro Joe Hart fechar o ângulo e fazer boa defesa.

Do outro lado, porém, Pepe Reina deu uma contribuição providencial para Sergio Agüero abrir o placar. O argentino arriscou chute despretensioso de fora da área, mas o espanhol calculou mal o tempo da bola e permitiu que o frango passasse por baixo de seu corpo.

O gol fez com que o Liverpool saísse mais ao campo de ataque, rondando a área dos Citizens, mas sem concluir com eficiência. Do outro lado, o time da casa aproveitava a velocidade de seus homens de frente para tentar ampliar. Aos 21 minutos, Edin Dzeko arriscou de fora da área, a bola desviou nas pernas de Glen Johnson e quase surpreendeu Reina, saindo próxima à trave.

Enquanto isso, os Reds insistiam também em tiros de longa distância. Charlie Adam cobrou falta para boa defesa de Joe Hart aos 24 minutos e, pouco depois, foi a vez de Jordan Henderson ameaçar em finalização de fora da área.

Entretanto, o City chegou ao segundo gol aos 33 minutos. Primeiro, após cobrança de escanteio, Reina fez ótima intervenção em cabeçada de Vincent Kompany. Depois, o espanhol nada pôde fazer quando, em novo tiro de canto de David Silva, Yaya Touré completou para as redes. Até o final do primeiro tempo, as duas equipes mantiveram posse de bola igual, mas sem oferecer muito perigo ao gol adversário.

A chuva apertou para o segundo tempo no City of Manchester, deixando a partida bastante truncada nos primeiros minutos. O Liverpool tentava penetrar na área dos Citizens, que se seguravam bem na defesa e administravam a vantagem. Tentando mudar a situação, aos 11 minutos o técnico Kenny Dalglish promoveu a entrada de Steven Gerrard e Craig Bellamy, tirando Charlie Adam e Dirk Kuyt.

A situação parecia complicar para o City aos 27 minutos, quando Gareth Barry recebeu o segundo cartão amarelo e foi expulso. No lance seguinte, Yaya Touré invadiu a área em velocidade e, após contato com Martin Skrtel, caiu. Pênalti, cobrado com maestria por James Milner, que ampliou a diferença para três gols.

Cinco minutos depois, o quarto gol quase saiu com Adam Johnson. O meio-campista, que substituíra Agüero, arriscou de fora da área, carimbando a trave de Reina. Do outro lado, Gerrard teve seu primeiro bom lance na partida, em chute forte que passou ao lado da meta de Joe Hart. Ainda mais ativo, o Liverpool quase fez o de honra aos 44, mas Hart fez duas boas defesas em sequência, parando as tentativas de Bellamy e Maxi Rodriguez.

Tottenham vence e se aproxima do United

Em White Hart Lane, o Tottenham sofreu para conseguir vitória por 1 a 0 sobre o West Brom, apesar do amplo domínio na partida. A vitória mantém a equipe de Harry Redknapp na terceira colocação, agora três pontos atrás do vice-líder Manchester United.

O primeiro tempo contou com um verdadeiro massacre dos Spurs, que ainda assim não conseguiram abrir o placar. Os londrinos mantiveram a posse de bola durante 74% do tempo e chutaram dez vezes a gol, todas sem sucesso, contra somente uma do West Brom.

Ainda predominando na segunda etapa, o Tottenham chegou ao gol da vitória aos 18 minutos. Após boa troca de passes da equipe, Gareth Bale passou para Jermain Defoe, que girou dentro da área e bateu cruzado para marcar.

Já o Sunderland goleou o Wigan por 4 a 1, mesmo jogando em The DW Stadium. O resultado ratifica a ascensão dos Black Cats na tabela após mau início no torneio, aparecendo agora na décima colocação, com 24 pontos.

Apesar de ter feito um primeiro tempo melhor, controlando a posse e ameaçando mais a gol, o Wigan sofreu um gol nos acréscimos, com Craig Gardner. James McClean ampliou para os Black Cats no início da segunda etapa, pouco antes de Hugo Rodallega fazer o de honra dos Latics. Já Stephane Sessègnon e David Vaughan deram números finais à goleada.

Confira os jogos da 20ª rodada do Campeonato Inglês:

Segunda-feira, 2/jan
Aston Villa 0×2 Swansea City
Blackburn 1×2 Stoke City
Queens Park Rangers 1×2 Norwich City
Wolverhampton 1×2 Chelsea
Fulham 2×1 Arsenal

Terça-feira, 3/jan
Tottenham 1×0 West Bromwich
Wigan 1×4 Sunderland
Manchester City 3×0 Liverpool

Quarta-feira, 4/jan
Everton x Bolton
Newcastle x Manchester United