Depois de perder Roque Júnior por duas partidas (pela agressão em um jogador do Wolfsburg na terceira rodada – punição já cumprida), o Bayer Leverkusen sofreu outra baixa em sua defesa. Desta vez foi Juan, que deixou o gramado aos 31 minutos do segundo tempo da vitória sobre o Colônia por 2 a 1, nesta quarta-feira, com fortes dores na coxa.

Nesta quinta, o defensor da Seleção Brasileira passou por exames e ficou constatada uma fissura muscular na coxa direita, que o manterá afastado dos gramados por pelo menos duas semanas.

Com esse prognóstico, Juan corre sérios riscos de ser cortado dos jogos contra Bolívia e Venezula pelas eliminatórias para a Copa do Mundo, que acontecem em 9 e 12 de outubro respectivamente. O departamento médico da CBF deve pronunciar-se a respeito nos próximos dias, quando o Bayer Leverkusen enviará um relatório sobre a situação do jogador.

Foto: Agência CBF