A Argentina divulgou a lista com os 30 pré-convocados para a Copa do Mundo com algumas surpresas. Claro, Carlos Tevez não está na lista, como esperado, mas o que chama mesmo a atenção é a inclusão de outro atacante: Franco Di Santo, de 25 anos, do Werder Bremen.

A surpresa pela inclusão de Di Santo é porque o desempenho do jogador é muito fraco nos últimos anos. Di Santo tem 16 gols nas últimas três temporadas, por Wigan e Werder Bremen. Seu desempenho é bastante fraco. Nesta temporada, foram só quatro gols em 23 jogos pelo Werder Bremen na Bundesliga, além de quatro assistências. Sabemos que o problema com Tevez não é técnico, é de relacionamento, mas nesta temporada ele marcou 21 gols em 47 jogos, além de dez assistências.

Apesar da surpresa pela inclusão de Di Santo, não deve passar disso. Além dele, os outros atacantes são Lionel Messi, Sergio Agüero, Gonzalo Higuaín, Ezequiel Lavezzi e Rodrigo Palacio. Nenhum deles perderia a vaga para Di Santo. A inclusão do jogador não passará disso: uma surpresa de um jogador que deve ficar na lista de sete suplentes.

Di Santo não foi o único que surpreendeu: Fabián Rinaudo, meio-campista do Sporting, de Portugal, também apareceu na lista. O jogador faz boa temporada no time português, vice-campeão nacional, mas também deve ficar fora da lista. Entre os meio-campistas, Gago, Biglia, Mascherano, Banega, Di María e Maxi Rodríguez devem estar na lista final. Ricardo Álvarez, da Internazionale, Augusto Fernández, do Celta, Enzo Pérez, do Benfica, José Sosa e do Atlético de Madrid disputam vagas no elenco final.

Na defesa, quem também apareceu de surpresa foi Gabriel Mercado, 25 anos, lateral direito do River Plate. Com apenas um jogo pela seleção, ele corre por fora para uma das vagas na defesa albiceleste. Otamendi, que está jogando emprestado ao Atlético Mineiro, está na lista e deve ir à Copa.

Confira a lista:

Goleiros: Sergio Romero (Monaco-FRA), Mariano Andújar (Catania-ITA) e Agustín Orion (Boca Juniors);

Defensores: Ezequiel Garay (Benfica-POR), Federico Fernández (Napoli-ITA), Pablo Zabaleta (Manchester City-ING), Marcos Rojo (Sporting-POR), José María Basanta (Monterrey-MEX), Hugo Campagaro (Internazionale-ITA), Nicolás Otamendi (Atlético Mineiro-BRA), Martín Demichelis (Manchester City-ING), Gabriel Mercado (River Plate) e Lisandro López (Getafe-ESP);

Meio-campistas: Fernando Gago (Boca Juniors), Lucas Biglia (Lazio-ITA), Javier Mascherano (Barcelona-ESP), Ever Banega (Newell’s Old Boys), Angel Di María (Real Madrid-ESP), Maximiliano Rodríguez (Newell’s Old Boys), Ricardo Alvarez (Internazionale-ITA), Augusto Fernández (Celta-ESP), Enzo Pérez (Benfica-POR), José Sosa  (Atlético de Madrid-ESP) e Fabián Rinaudo (Sporting-POR);

Atacantes: Sergio Agüero (Manchester City-ING), Lionel Messi (Barcelona-ESP), Gonzalo Higuaín (Napoli-ITA), Ezequiel Lavezzi (Paris Saint-Germain-FRA), Rodrigo Palacio (Internazionale-ITA) e Franco Di Santo (Werder Bremen-ALE).