O Corinthians foi a única equipe a sair vitoriosa nos três jogos desta quarta pela Libertadores. O time alvinegro conquistou um triunfo por 1 a 0 contra o Deportivo Cali fora de casa. As outras duas partidas terminaram empatadas: no Paraguai, Cerro Porteño e Palmeiras ficaram no 0 a 0, enquanto Independiente Santa Fé e Bolívar se contentaram com um 2 a 2.

Na Colômbia, o Corinthians enfrentou um adversário com mais disposição do que qualidade. O time brasileiro jogou mal e acabou contagiado pelos constantes erros de passe e finalizações sem direção. A situação ficou melhor para o time brasileiro quando Rivas foi expulso aos 18 do segundo tempo.

Com um a mais, os visitantes pressionaram o Deportivo Cali e chegaram ao gol aos 34. Um jogada individual, Ricardinho passou por dois defensores e chutou no canto. Gustavo Nery perdeu uma chance incrível para ampliar. Sem brilhar, o Corinthians fez o mínimo em sua estréia no grupo 4.

Pelo grupo 7, o Palmeiras agradeceu por sair do Paraguai com um ponto em seu primeiro jogo na segunda fase do torneio. O Cerro Porteño acertou duas bolas na trave e levou mais perigo. A equipe alviverde assustou apenas em uma cobrança de falta de Paulo Baier que bateu no travessão. Com os mesmos erros defensivos das últimas partidas, os palmeirenses se limitaram aos lances de bola parada.

O Independiente Santa Fé reagiu e conseguiu empatar por 2 a 2 com o Bolívar pelo grupo 2. O time boliviano saiu na frente no final do primeiro tempo com uma falta cobrada por Límberg Gutiérrez. O goleiro Luis Martinez falhou no lance. Os visitantes ampliaram aos dois da segunda etapa com Martín Menacho.

O time da casa se recuperou com rapidez do golpe. Aos oito, Luís Yánez foi derrubado na área. Leider Preciado bateu o pênalti e converteu. No minuto seguinte, Fernando Montoya igualou com um chute de canhota. O Independiente Santa Fé foi a quatro pontos, a mesma pontuação do Bolívar.