Hernan Crespo desmentiu nesta quinta que tenha entrado em atrito com José Mourinho. O atacante negou a versão dada pela imprensa britânica de estar descontente no Chelsea e, por isso, procurar outro clube em janeiro.

Crespo não participou da última partida dos Blues, na derrota para o Manchester United, no último fim de semana. Por participar pouco dos jogos do time, especulou-se que o argentino tivesse se desentendido com o treinador e estaria preparando suas malas assim que o mercado de transferências fosse aberto.

´´Mourinho é um dos melhores técnicos do mundo. É uma boa pessoa, gosto de trabalhar com ele e nossa relação é boa. O fato de não jogar deve-se naturalmente ao alto valor do elenco. Nem todos podem jogar´´, disse o jogador, que está concentrado com a seleção argentina para o amistoso contra a Inglaterra, no sábado.

´´Quero ficar no Chelsea e ninguém deve acreditar que deixarei o clube em janeiro. Estou muito feliz aqui. O grupo de jogadores é grande e o treinador também´´, elogiou Crespo. O jogador ainda comentou a respeito de ser pouco utilizado. ´´As pessoas acham que se você fica no banco não tem muita paciência. Mas eu tenho. Se eu tiver cinco, dez ou 90 minutos, sempre farei meu melhor. Se estou frustrado? Não, sei que estou no Chelsea´´.