Cristiano Ronaldo pode até levar uma vida extravagante fora dos gramados, com carros de luxo, penteados peculiares e até marca de roupas própria, coisas não ligadas ao futebol e que às vezes são usadas como argumentos para atacá-lo. Mas ninguém pode negar que o coração do craque é bondoso. No ano passado, após amistoso do Real Madrid nos Estados Unidos, o português evitou que um de seus fãs, que havia invadido o campo para abraçá-lo, perdesse seu visto no país e a bolsa na faculdade ao escrever uma carta à polícia local pedindo que as acusações fossem retiradas. Desta vez, o gesto tocante foi dar a um garoto com câncer um grande motivo para sorrir.

Jorge, diagnosticado com câncer em setembro do ano passado, sempre foi um grande fã do camisa 7 do Real Madrid. Acompanhava sua carreira e, como forma de externar sua admiração pelo craque, adotara um corte de cabelo semelhante ao do jogador, o que não pode ser mantido por causa da quimioterapia pela qual começou a passar após a descoberta da doença. Recentemente, Cristiano ficou sabendo da situação do garoto, enviou uma foto autografada a ele e o convidou para assistir ao jogo contra o Celta de Vigo, nesta segunda-feira, vencido pelo Real por 3 a 0, com dois gols do português.

As palavras de Jorge após o jogo dão muito bem a dimensão do significado que uma ação como essa tem na vida de alguém na situação do fã. “Foi um sonho realizado para mim, e a verdade é que serei eternamente grato pelo o que ele fez. Foi muito emocional para mim, porque nunca imaginei que isso pudesse acontecer. Eu estava no camarote VIP com toda a família dele e com o filho dele, que é um garotinho muito inteligente, amigável e educado. Foi incrível”, contou ao EuroSport. A mãe de Jorge corroborou as palavras do filho: “As pessoas podem dizer o que quiserem, mas ele é um verdadeiro anjo. Obrigado por tudo, Cristiano”.

Você pode até não gostar de Cristiano Ronaldo por ele ser marrento, vaidoso e narcisista, mas não dá para negar que o craque, favorito à Bola de Ouro que será entregue na próxima segunda, entende muito bem o papel que desempenha como estrela mundial e sabe que sua função social, pode fazer a diferença.