Que Cristiano Ronaldo está longe de sua melhor forma na Copa do Mundo, isso é perceptível a cada jogo de Portugal. As arrancadas do camisa 7 não são constantes, os chutes potentes vêm quase sempre de cobranças de falta e mesmo o seu posicionamento é diferente, jogando mais pelo centro do ataque do que pela ponta direita. O que não impede o craque de ser decisivo, como no cruzamento que garantiu o empate aos Tugas nos acréscimos. Ou brilhante, como deu a prova logo no início do jogo.

Saiba mais sobre o jogo de Portugal contra os Estados Unidos

Consolidado da partida: Empate ainda é bom para os americanos

Era um lance sem muito perigo, no meio do campo. Mas o que Cristiano Ronaldo fez é para deixar qualquer um boquiaberto. Foram seis toques na bola. Cinco fintas secas e um passe. Chamou para dançar três marcadores americanos, deixou os três enlouquecidos. O melhor do mundo pode até não ter vida longa na competição, deixar o Brasil sem marcar um gol sequer. Ao menos já deixou uma singela e especial contribuição para ser eternizada entre os melhores momentos do Mundial de 2014.