O Campeonato Holandês teve uma rodada conturbada neste domingo. Por conta da nevasca que cai na Europa durante este final de semana, dois jogos chegaram a ser adiados. Mas, graças à cobertura da Amsterdam Arena, o problema não afetou o duelo mais aguardado, entre Ajax e PSV. O confronto de peso teve seu pontapé inicial postergado, para auxiliar os torcedores visitantes a caminho do estádio, mas nada que cancelasse a partida. E o Ajax aproveitou o momento. Derrotou os líderes por 3 a 0, com grande participação de David Neres.

Vindo de dez vitórias consecutivas na Eredivisie, o PSV não suportou o desafio em Amsterdã. Finalizando mais desde o primeiro tempo, o Ajax resolveu o jogo a partir da segunda etapa. E coube a David Neres abrir o placar aos 16. Em uma sobra de bola após cobrança de escanteio, o brasileiro emendou o chute da entrada da área e a bola venenosa passou por todo mundo. O segundo saiu três minutos depois, em boa jogada individual de Lasse Schöne, arriscando de fora. E a festa terminou aos 27, em bola ajeitada por David Neres, para Donny van de Beek fuzilar.

Não é a derrota que afasta o PSV da liderança. O time soma 39 pontos, cinco a mais que o AZ. Já o Ajax, em terceiro, tem sete pontos a menos. Os tropeços atrapalharam um melhor desempenho dos Godenzonen, embora sejam donos do melhor ataque. David Neres, ao menos individualmente, se destaca bem. São sete gols e sete assistências, que o tornam o jogador com maior participação ofensiva da Eredivisie. Neste domingo, a fase do brasileiro valeu bastante à sua equipe.