Luis Montes está fora da Copa (Foto: AP)

É melhor a Copa do Mundo começar logo, antes que mais alguém se machuque

Amistosos de preparação para a Copa do Mundo são perigosos. O lado bom deles – arrumar o time, dar ritmo de jogo, tirar alguma dúvida – é sempre muito incerto. O ruim, sempre muito cruel. Neste sábado de jogos, três jogadores machucaram-se e pelo menos um deles vai perder o Mundial do Brasil. Os mexicanos Luis Montes e Rafa Márquez e o italiano Ricardo Montolivo juntam-se à extensa lista de jogadores com problema de lesão, como Luis Suárez, Diego Costa, Cristiano Ronaldo e Falcao García.

Leia também: Del Bosque definiu os atacantes, mas o que esperar deles?

O mais sério deles é Montes, que marcou um golaço pela seleção mexicana na vitória por 3 a 1 contra o Equador um minuto antes de fraturar a perna. Ele não tem mais chances de defender o México na Copa. Ainda durante o jogo, o técnico Miguel Herrera anunciou Javier Aquino como o seu substituto na lista de 23 convocados. O experiente zagueiro e capitão Rafa Márquez foi outro que deixou o campo machucado, com suspeita de lesão no dedo do pé. Ele ainda vai ser avaliado.

No empate por 0 a 0 entre Itália e Irlanda do Norte, Montolivo estava com a faixa de capitão, mas talvez não a use na Copa do Mundo. Ele também pode ter fraturado a perna. Ainda no gramado, conversando com os médicos, disse que “se quebrou”, segundo a emissora de televisão RAI. O meia do Milan provavelmente seria titular no time de Cesare Prandelli.

A Copa do Mundo começa em 12 de junho, em menos de duas semanas, e a lista de jogadores machucados não para de crescer. Ainda há mais alguns amistosos de preparação marcados, inclusive em solo brasileiro, que podem significar, mais do que ajustes de última hora, o fim do sonho de alguns atletas profissionais. Para o bem do Mundial, vamos torcer para que não seja esse o caso.

Você também pode se interessar por:

>>>> Esta tabela periódica dos maiores atletas das Copas do Mundo ficou incrível

>>>> Passado negro das Copas: atacante sueco foi sequestrado pela ditadura em 1978

>>>> As camisas das 32 seleções, desta Copa e também das passadas, em um infográfico sensacional