O Everton está à deriva desde que demitiu o técnico Ronald Koeman – e, para ser franco, um pouco antes disso também. O substituto do holandês ainda não foi definido. A última tentativa foi Marco Silva, do Watford. Enquanto isso, o time é comandado pelo interino David Unsworth e está sujeito a derrotas vexatórias. Nesta quinta-feira, a Atalanta visitou Goodison Park e saiu de campo com uma goleada: 5 a 1.

LEIA MAIS: Um dia, Gravesen levou uma arma de paintball ao treino e saiu atirando em todo mundo

Não dá nem para comparar as campanhas europeias das duas equipes. Após cinco rodadas da fase de grupos da Liga Europa, o Everton tem apenas um ponto, do empate, em casa, contra o Apollon, do Chipre. Foi derrotado nos quatro duelos contra Lyon e Atalanta. Marcou apenas quatro vezes e sofreu 15 gols, três por jogo. A equipe de Bérgamo, por sua vez, soma 11 pontos e, junto com o Lyon, está classificada para a próxima fase.

Cristante abriu o placar, aos 12 minutos do primeiro tempo. Papu Gómez teve a chance de ampliar, mas desperdiçou pênalti. Cristante fez o segundo, aos 19 minutos da etapa final, e encaminhou a vitória. Sandro Ramírez descontou. O Everton, porém, não conseguiu realmente assustar. Em um intervalo de dois minutos, Gosens e Cornelius ampliaram para a Atalanta. Cornelius ainda fez o quinto.