Para um jogador de futebol bastante envolvido com a partida em que está jogando, ter de deixar o campo é frustrante, seja com uma substituição ou por causa de uma expulsão ou lesão. Normalmente, no caso da saída ter sido imposta pelo árbitro, as reações variam desde a resignação até a inconformidade com a decisão do juizão. Isso até agora. Um atacante da liga sueca inaugurou uma nova categoria de resposta ao cartão vermelho: sair correndo aos berros em direção ao túnel do campo.

VEJA TAMBÉM: A conversa de David Luiz e James que você ainda não tinha visto

O serra-leonês Alhaji Kamara, de apenas 20 anos, que atua no Norrköping, da Suécia, fez falta ao marcar a saída de bola do time adversário, o Örebro, levou o segundo amarelo, recebeu o consequente cartão vermelho e teve de deixar o gramado aos 47 minutos do segundo tempo. Sim, ele nem perderia tanto assim do duelo. Mas isso não importou para Kamara, que saiu correndo aos berros, capturados pelos microfones da transmissão de TV. O time do atacante estava empatando a partida em 2 a 2, depois de ter uma desvantagem de 2 a 0 no placar. Talvez o serra-leonês tivesse a esperança de fazer o heróico gol da virada. Só isso explica essa reação maluca.