A chuva foi uma rival implacável antes da partida entre Bournemouth e Burton. A tempestade alagou o gramado, adiou a partida pela terceira etapa da Copa da Inglaterra e ainda rendeu uma brincadeirinha do operador do placar eletrônico do Estádio Goldsands. Entretanto, não foi só o campo que saiu derrotado. Os 200 torcedores visitantes também ficaram frustrados, após enfrentarem uma viagem de 500 quilômetros à toa. Uma dor de cabeça que se transformou em solidariedade graças à iniciativa da torcida do Bournemouth.

Compreensivos com a situação vivida pelos rivais, os torcedores do time da casa aliviaram o prejuízo sofrido pelos fãs do Burton. Foram arrecadadas £ 3 mil para bancar os custos da viagem. A ideia inicial era juntar apenas £ 800, o suficiente para pagar os ônibus que levaram os torcedores, mas a boa vontade ultrapassou a quantia.

“Fomos surpreendidos com a reação”, declarou David Whitehead, líder da iniciativa do Bournemouth. Segundo ele, o dinheiro não foi doado apenas por pessoas da cidade, mas também por torcedores de outros clubes e até mesmo por pessoas do exterior.

A bela atitude, no entanto, também responde a uma benfeitoria do passado. Em abril de 2010, o Bournemouth conquistou o acesso à terceira divisão do Campeonato Inglês dentro do estádio do Burton. Em uma atitude surpreendente, o presidente anfitrião permitiu que os visitantes invadissem o campo para comemorar o feito após o apito final. Um exemplo de amizade entre torcidas.