Você lembra da polêmica de Roberto Carlos e seu meião na Copa do Mundo de 2006? Pois então, aconteceu novamente, mas de maneira ainda mais clara. Gimnasia de Jujuy e Independiente empatavam em 0 a 0 pela segunda divisão do Campeonato Argentino quando, aos 40 minutos do segundo tempo, Cristian Tula, zagueiro do Rey de Copas, resolveu arrumar o meião em um ataque do adversário. Quando se tocou que o oponente tinha acelerado a cobrança de lateral, já era tarde demais: gol e vitória do Gimnasia.

Alguns argumentam que naquele lance da eliminação do Brasil para a França não era mesmo Roberto Carlos o responsável por marcar Thierry Henry, mas desta vez, no caso de Tula, não dá nem para bancar o advogado do diabo vermelho. Fica claro na imagem que o gol somente aconteceu por causa da displicência do zagueirão. Com defensores tão atentos como esse, bem que a ajudinha para o Independiente subir para a elite novamente poderia ser adiantada para esse ano.