José Mourinho avisou: sonhar com o título da Premier League nesta temporada é mais realista do que era na última. Bom, a estreia do Manchester United foi com imensas credenciais de quem é candidato ao título: o time martelou o West Ham – chamados de Hammers – e contaram com dois gols do estreante Romelulu Lukaku (em jogos no estádio Old Trafford) e outros de Anthony Martial e Paul Pogba. A vitória por 4 a 0 veio com autoridade e uma boa atuação do time comandado pelo técnico português.

LEIA TAMBÉM: Guia da Premier League 2017/18

A primeira escalação feita por Mourinho na Premier League contou com uma formação ofensiva. O time jogou no 4-2-3-1, com Nemanja Matic como volante, liberando um pouco mais Paul Pogba. Juan Mata, Henrikh Mkhitaryan e Marcus Rashford um pouco mais à frente, com a referência, no ataque, de Romelu Lukaku. Do lado contrário, o técnico Slaven Bilic levou a campo Marko Arnautovic e Chicharito Hernández, duas das suas principais contratações, além de Joe Hart no gol e Pablo Zabaleta na lateral direita.

Desde o começo, a atuação do Manchester United foi consistente. Com posse de bola, o time criava muitas chances no ataque, chegando com muito perigo. O gol veio aos 33 minutos, quando Rashford usou a sua velocidade para arrancar, tocar em profundidade e Lukaku finalizou com força e precisão. A bola resvalou a trave antes de entrar. Primeiro gol do belga, novo camisa 9, no estádio de Old Trafford.

O segundo tempo contou com mais um gol típico de um centroavante matador como Lukaku logo no início. Aos oito minutos, cruzamento para a área de Mkhitaryan, que o belga subiu bem – e mal marcado, diga-se – para cabecear com liberdade no canto e colocar 2 a 0 no placar. Os Hammers, que pouco incomodavam o Manchester United, acabaram murchando ainda mais.

Rashford deu lugar a Martial, com mais um jogador que tem velocidade para imprimir ritmo forte. Pela esquerda, o atacante recebeu passe de Mkhitaryan em profundidade e chutou cruzado para marcar 3 a 0, aos 42 minutos. Já era um placar que parecia definitivo a essa altura. Só que antes do apito final, veio mais um. Desta vez, Martial tocou para Pogba, que chutou com categoria, no canto, e fechou a conta em 4 a 0.

A estreia do Manchester United foi uma das melhores entre os favoritos, não só pelo placar, mas pela atuação. Foi dominante em campo, com um bom rendimento de vários dos seus jogadores. Pogba, Mkhitaryan e Lukaku foram destaques ofensivos, com atuações decisivas nos gols, mas é preciso destacar outro jogador nesta partida: Matic. Teve uma atuação fantástica defendendo, o que garantiu um desempenho mais seguro do time em comparação ao que aconteceu na última temporada. Forte pelo alto e nos desarmes, tem tudo para ser um jogador fundamental para o bom rendimento do time.

O Manchester United se apresentou como favorito neste primeiro jogo, como não mostrava há algum tempo. Resta saber se é uma impressão ou se o time manterá esse desempenho. Ao que tudo indica, Lukaku e Matic já melhoraram muito o nível do time.

Veja as escalações e estatísticas do jogo no WhoScored.

 

ESPECIAL PREMIER LEAGUE:
– Estas são as camisas dos 20 clubes da Premier League 2017/18
– Dez casos de recém-promovidos que fizeram barulho na Inglaterra, antes e depois da Premier League
– Sinta o tamanho da paixão e o clima nas arquibancadas: Um guia das torcidas da Premier League
– Briga pela artilharia promete ser acirrada na Premier League. Em quem você aposta?