O técnico interino e ídolo do Milan, Gennaro Gattuso, mostrou otimismo para a situação do time no Campeonato Italiano. Em 11º lugar na tabela, a 14 pontos do quarto colocado – zona de classificação à Champions League -, o treinador prestes a completar 40 anos diz que é sua obrigação acreditar na volta ao principal torneio europeu. O time se prepara para enfrentar o Crotone, neste sábado, em San Siro e o treinador tratou de dizer que não há jogo fácil, lembrando de tropeços recentes dos rossoneri.

LEIA TAMBÉM: Buffon: “Agradeço a afeição das pessoas, mas não quero me aposentar com festa”

“Não há partidas fáceis para nós”, afirmou o técnico em coletiva de imprensa nesta sexta-feira. “Nós nos preparamos bem, mas será uma partida difícil, não podemos pensar nas festas, temos que pensar apenas nos três pontos”, continuou.

“Eles atacam com muitos jogadores no ataque, eles colocam muitos homens dentro da área e nós temos que ser cautelosos com os contra-ataques”, analisou. “Eles ganharam apenas um jogo nos últimos cinco, mas eles são um time muito vívido que nós temos que respeitar”, afirmou o ex-jogador. “Quando achamos que seria fácil, as coisas foram mal, como contra o Benevento e Verona, e no momento nós não podemos dizer que qualquer partida é fácil”.

“Nossa posição na liga não é boa, mas nós estamos nas semifinais da Copa da Itália e no mata-mata da Liga Europa. Nós temos que tirar o máximo dessas partidas, sem subestimar a liga, onde temos um longo caminho a percorrer”, opinou Gattuso. “E até a matemática nos condenar, nós temos que acreditar na Champions League”, disse.

Os quatro primeiros colocados da Serie A se classificam à próxima Champions League, com a mudança de regra que entrou em vigor nesta temporada. As quatro principais ligas da Europa passam a ter quatro vagas diretas na fase de grupos da principal competição europeia.

A Itália estava bem posicionada no ranking, a ponto de roubar a terceira posição da Alemanha, que caiu para quarto. No sistema antigo, a Itália recuperaria as quatro vagas, mas a quarta seria na fase preliminar. Com a mudança, Espanha, Inglaterra, Itália e Alemanha colocam quatro equipes direto na fase de grupos – metade dos 32 que disputarão esta fase.

Com a janela de transferências aberta e o time ainda deixando a desejar em desempenho, se especula sobre reforços que a diretoria do Milan pode contratar. Gattuso, porém, desconversa. “Não é uma distração, o clube sabe qual é a minha opinião, nós estamos acertados, eu tenho que tirar o máximo destes jogadores”, afirmou o técnico.

“O mercado de transferências não é um problema para mim, o melhor presente para mim seria não perder nenhum jogador por contusão”, declarou Gattuso. “Eu não sei de onde certos rumores surgem, eu nunca discuti isso com a direção”.

Gattuso faz aniversário no dia 9 de janeiro, quando completará 40 anos. Ele foi perguntado sobre ganhar uma vitória como presente dos jogadores. “Eu não sei o que eu irei fazer, eu espero que a minha mulher me faça um bom bolo e me dê uma bonita garrafa de vinho”, sorriu o técnico. “Uma vitória como presente? É claro, eu assinaria isso agora”.