A Liga Europa definiu os 48 participantes de sua fase de grupos nesta quinta-feira. E, mesmo com a principal etapa do torneio ainda por começar, já são muitos os vexames de equipes de camisas pesadas. A última preliminar, aliás, foi pródiga em ver alguns clubes de camisas tradicionais rodarem tão cedo. E poderia ser pior, com outros se salvando no sufoco.

VEJA TAMBÉM: O protesto da torcida do Legia contra porcos capitalistas da Uefa ficou sensacional

O maior vexame foi o do Lokomotiv Moscou. Depois de empatar fora de casa com o Apollon Limassol, os moscovitas foram goleados na Rússia pelos cipriotas. Triunfo dos visitantes por 4 a 1, com Roman Pavlyuchenko diminuindo o prejuízo apenas quando a diferença já era de quatro gols. Quem não ficou muito atrás foi a Real Sociedad. Depois do empate por 0 a 0 em Anoeta, os bascos foram atropelados pelo Krasnodar: 3 a 0 para os russos, com gols dos brasileiros Ari e Joãozinho.

O Lyon até tentou evitar a humilhação contra o Astra na visita à Romênia, mas não conseguiu. Depois de perderem em Gerland por 2 a 1, os franceses arrancaram a vitória por 1 a 0 fora de casa, resultado que foi insuficiente. E os Gones quase morreram abraçados com os rivais do Saint-Étienne, que tinham perdido na ida para o Kardemir Karabükspor por 1 a 0. Na volta à França, os verdes repetiram o resultado e se classificaram graças ao goleiro Stéphane Ruffier, que defendeu dois pênaltis.

CHAMPIONS: Os detalhes dos grupos para enriquecer teu papo com os amigos

Em questão de relevância, ninguém foi pior que o Twente. O clube holandês perdeu o primeiro jogo para o Qarabag Agdam, atual vice-lanterna do Campeonato Azerbaijano, e não foi além do empate por 1 a 0 na volta a Enschede. Quase tão vergonhoso com o que quase aconteceu com o Feyenoord. O clube de Roterdã abriu três gols de vantagem sobre o Zorya Luhansk na Holanda, mas cedeu o empate e ia sendo eliminado. Só se salvou aos 48 minutos do segundo tempo, quando Elvis Manu garantiu a vitória.

Logicamente, a rodada da Liga Europa não foi feita só de vexames. Entre os destaques, estão as goleadas por 7 a 0 do Borussia Mönchengladbach sobre o Sarajevo e os 6 a 0 da Internazionale para cima do Stjarnan. O Tottenham passou com os 3 a 0 em cima do AEL Limassol, com Paulinho dando assistência e fazendo o seu. Também avançaram Torino, PSV, Dynamo Moscou, Panathinaikos, Villarreal, Metalist Kharkiv e Sparta Praga.